Os Globalistas querem CBDCs em 2024… e o Que Virá a Seguir irá Surpreendê-los

Há uma excelente hipótese de os governos de países em todo o mundo forçarem em breve os seus cidadãos a utilizar moedas digitais do banco central (CBDCs). Eles permitem que os governos rastreiem e controlem cada centavo que você ganha, economiza e gasta. O CBDC é uma ferramenta poderosa para os políticos e seus manipuladores globalistas confiscarem e redistribuírem a riqueza como acharem adequado e de acordo com as suas agendas.

Os Globalistas querem CBDCs em 2024… O Que Eealmente Vem a Seguir irá surpreendê-los

Fonte: InternationalMan.com – De autoria de Nick Giambruno

Os CBDCs permitem todo tipo de coisas de um governo tirânico e totalitário.

Os CBDCs permitirão que o sistema Rothschild dos bancos centrais imponham taxas de juro profundamente negativas, o que é apenas um eufemismo para um imposto sobre a poupança de dinheiro.

Os governos poderiam programar os CBDCs para terem uma data de validade – como algumas milhas de passageiro frequente de companhias aéreas – forçando as pessoas a gastá-los, por exemplo, antes do final do mês, quando se tornarem inúteis.

Os CBDCs permitirão uma engenharia social tortuosa, permitindo que os governos punam e recompensem as pessoas através de um sistema de Crédito Social de uma forma que anteriormente não conseguiriam.

Suponhamos que os governos imponham novamente confinamentos, afastamento social, quarentenas durante a época de uma nova pandemia [Doença X a ser por eles mesmos criada], as chamadas “alterações climáticas”, ou qualquer pretexto que considerem conveniente. Os CBDCs poderiam ser programados para funcionar apenas em uma área geográfica, e o governo poderia negar seus pagamentos se você viajasse mais de um metro de sua casa durante um bloqueio.

Suponha que os responsáveis ​​queiram incentivar as pessoas a tomar um produto farmacêutico ou algum outro veneno. Com os CBDCs, eles poderiam depositar dinheiro nas contas daqueles que cumprissem suas ordens e deduzir daqueles que não o fizessem. Os governos e as grandes empresas irão, sem dúvida, associar os CBDCs a um sistema de crédito social.

Você cometeu um “crime de pensamento” nas redes sociais? Ou talvez você leia muitos artigos politicamente incorretos online? Você excedeu sua cota mensal de consumo de carne? Então espere alguma punição financeira graças aos CBDCs.

Os CBDCs são, sem dúvida, um instrumento de escravização. Eles representam um salto quântico para trás na liberdade humana. Infelizmente, eles chegarão em breve. Os governos provavelmente adotarão os CBDCs como a “solução” quando a próxima crise real ou artificial acontecer – o que provavelmente não estará muito longe.

Essa é a má notícia.

A boa notícia é que os CBDCs estão fadados ao fracasso.

Mas isso não significa que os governos não tentarão implementar CBDCs… com consequências imensamente destrutivas para muitas pessoas que não estão preparadas para lidar com a situação.

É importante lembrar as sábias palavras de Ron Paul:

“O que nenhum deles (políticos) admitirá é que o mercado é mais poderoso do que os bancos centrais e todos os planejadores econômicos juntos. Embora possa levar algum tempo, o mercado sempre vence.”

Não importa quais editais, decretos ou leis os políticos aprovem, eles nunca serão capazes de extinguir totalmente o desejo das pessoas de usar alternativas aos CBDCs. Isso abre a porta para outras opções.

Por exemplo, consideremos que a Venezuela, o Zimbabué, a Argentina, o Líbano e muitos outros países restrinjam a utilização de moedas em espécie. Contudo, tudo o que isso faz é criar um próspero mercado negro – ou, mais precisamente, um mercado livre – para todo tipo de moedas em espécie e um sistema financeiro paralelo.

Podemos esperar o mesmo tipo de dinâmica se os governos imporem CBDCs. Não tenho dúvidas de que sistemas paralelos significativos e mercados subterrâneos surgirão naturalmente.

Qualquer pessoa que queira evitar a escravidão do CBDC deve aprender a nadar nessas águas.

Embora eu acredite que os CBDCs irão inevitavelmente se autodestruir, ninguém sabe quanto tempo levará para que isso aconteça e qual o tamanho do caos que virá junto.

O comunismo também estava destinado à autodestruição, mas demorou gerações. Não creio que demore tanto tempo para que os CBDC falhem, porque é muito mais fácil optar pela exclusão.

É aí que entra o Bitcoin.

O Bitcoin é o antídoto para os CBDCs?

É crucial compreender que os CBDCs são uma reação dos globalistas [a independência e liberdade] que o Bitcoin proporciona em relação aos ditames dos governos.

Os bancos centrais perceberam o potencial disruptivo do Bitcoin e perceberam que era melhor fazer algo antes que o Bitcoin comesse seu almoço. Os CBDCs são a sua resposta; como você verá, é patético.

Em suma, apesar de todo o hype, os CBDCs nada mais são do que uma reformulação do vacilante golpe da moeda fiduciária. É vinho velho em garrafas novas.

É duvidoso que os CBDCs consigam salvar moedas que de outra forma seriam fundamentalmente insalubres – como acredito que todas as moedas fiduciárias o sejam, especial e principalmente o moribundo dólar.

Se o atual sistema fiduciário não for viável, então os CBDCs são ainda menos viáveis, pois permitem ao governo envolver-se numa desvalorização monetária ainda mais flagrante.

Será que uma moeda digital CBDC teria salvado o dólar zimbabuano, o bolívar venezuelano, o peso argentino ou a lira libanesa ?

Eu penso que não.

Um CBDC também não salvará o dólar americano ou o euro dos seus destinos. Há muitas coisas ruins que acompanham os CBDCs. Mas há uma fresta de esperança…

Os CBDCs vão apresentar e familiarizar as pessoas com o uso de moedas digitais. Então, é apenas uma questão de tempo até que todos descubram e migrem para o Bitcoin.

CBDCs e Bitcoin compartilham algumas características. Por exemplo, ambos são digitais e facilitam pagamentos rápidos a partir de um telemóvel mas as semelhanças terminam exatamente nesse ponto.

A realidade é que os CBDCs e o Bitcoin são totalmente diferentes nos aspectos mais fundamentais.

Você precisa da permissão e aprovação do governo para usar um CBDC. Com o Bitcoin, ninguém pode ser impedido de usá-lo e nenhum governo tem ingerência sobre o Bitcoin.

Os governos podem (e irão) criar quantas unidades monetárias CBDC desejarem. Bitcoin é totalmente resistente à degradação das moedas e controle dos governos. Nunca poderá haver mais de 21 milhões de Bitcoins. CBDCs são centralizados. Bitcoin é descentralizado.

Os governos podem censurar transações e congelar, sancionar e confiscar unidades CBDC sempre que desejarem. Bitcoin é resistente à censura, confisco e sanções. As sanções ou as leis de nenhum país podem afetar o protocolo Bitcoin.

Não há privacidade com CBDCs. Com o Bitcoin, se você tomar medidas específicas, é possível manter uma privacidade razoável.

Os CBDCs são dinheiro do governo fácil de produzir e que dão aos políticos uma quantidade assustadora de controle sobre a vida das pessoas. Por outro lado, o Bitcoin é dinheiro não estatal que ajuda a libertar os indivíduos do controle governamental.

Resumindo, os CBDCs são uma tentativa patética de competir com o Bitcoin. Eles são um esforço desesperado e de última hora para manter em funcionamento o esquema da moeda fiduciária – uma última Ave Maria final ao esquema fiduciário moribundo.

Os CBDCs tornam uma forma inferior de dinheiro ainda pior, mas, ao mesmo tempo, são um excelente Cavalo de Tróia para o Bitcoin.

Não é preciso muita imaginação para ver que, uma vez que os governos inevitavelmente degradam as suas unidades CBDC, censuram as transações, congelam as contas das pessoas e confiscam fundos, isso levará as pessoas a procurar melhores alternativas digitais, em primeiro lugar o Bitcoin.

Veja a Nigéria, por exemplo. Foi um dos primeiros países a adotar oficialmente um CBDC, o eNaira. Os globalistas usaram a Nigéria – o maior país de África em população e dimensão da sua economia – como balão de ensaio e laboratório para testar os seus planos nefastos de implementar CBDCs na América do Norte, na Europa e noutros locais.

No entanto, o CBDC eNaira foi um fracasso abismal, com uma taxa de adoção inferior a 1 em cada 200 nigerianos, apesar dos melhores esforços do governo para subornar e coagir a população a utilizá-lo.

Após a introdução do CBDC, a inflação na Nigéria disparou e a adoção do Bitcoin cresceu. O que aconteceu foi exatamente o resultado oposto daquele que os globalistas esperavam.

Espero que vejamos uma dinâmica semelhante sempre que os governos introduzirem CBDCs alhures, e o Brasil, com o DREX está próximo de executar a implantação do seu CBDC.

É assim que, ao contrário da sabedoria convencional, os CBDCs poderiam ser um enorme catalisador para a adoção do Bitcoin.

Historicamente, os maiores movimentos ascendentes do Bitcoin acontecem muito rapidamente… e o próximo grande movimento pode acontecer iminentemente.


SEJA UM ASSINANTE DO BLOG: Para os leitores do Blog que ainda não são assinantes e desejam acessar as postagens em seus endereços de E-Mail, solicitamos, por favor, que façam a sua inscrição aqui neste LINK: https://linktr.ee/thoth3126

Convidamos também a conhecerem e seguirem nossas redes sociais:
Instagram: https://www.instagram.com/th.oth3126/
Facebook: https://www.facebook.com/thoth3126.blog
X (antigo Twitter): https://twitter.com/thoth3126_blog
Youtube: https://www.youtube.com/@thoth3126_blog

Siga o canal “Blog Thoth3126” no WhatsApp: https://www.whatsapp.com/channel/0029VaF1


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.327 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth