Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Pesquisa mostra aumento de invasão de hackers em carros

As ameaças cibernéticas que visam o cenário automotivo vêm ganhando atenção predominante nos últimos anos – e por uma notável razão. Ao contrário das ameaças cibernéticas em geral, que são percebidas como prejudiciais, mas estão limitados ao domínio “on-line”, ameaças cibernéticas contra carros e serviços de mobilidade em geral são vistos como tendo um impacto direto e físico em nossa integridade física em nós como indivíduos.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Casos de invasão por hackers de sistemas de carros conectados à internet aumentaram de 15 incidentes nos primeiros quatro meses de 2018 para 51 incidentes no mesmo período de 2019

Fonte:  https://www.revistaplaneta.com.br/

A tecnologia avança para facilitar nossas vidas em todos os setores. O automotivo é um deles. Mas, conforme os carros ficam cada vez mais conectados a redes de internet, estão também mais expostos a invasões de hackers. Não mais uma revolução, mas sim uma realidade. É assim que a evolução tecnológica que atualmente afeta o setor automotivo deve ser considerada. 

O desenvolvimento de automóveis conectados à internet, a Inteligência Artificial e a motorização dos carros pela sua eletrificação há muito tempo são incluídos no planejamento industrial de fabricantes e empresas de reposição, e dentro dos próximos anos os veículos terão perfis e funções que serão radicalmente diferentes daquelas que estamos acostumados a dirigir ou vendo hoje em dia, tornando-se verdadeiros centros de inovação e desenvolvimento tecnológico, a força motriz por trás do que muitos definem como uma “nova mola” para a indústria automotiva. Uma transformação digital que impactará os processos de produção, a criação de veículos cada vez mais “inteligentes”, bem como os hábitos de consumo dos seus proprietários.

Um levantamento feito pela empresa americana Upstream, de cibersegurança para automóveis, mostrou que os casos de invasão de sistemas de carros conectados à internet por hackers no mundo aumentaram de 15 incidentes nos primeiros quatro meses de 2018 para 51 incidentes no mesmo período de 2019.

Dessas invasões, 47% aconteceram nos sistemas de carros sem chave, aqueles que o motorista consegue abrir a porta só com o dispositivo no bolso. Outro dado da pesquisa mostrou que 40% dos ataques tinha como objetivo o furto do veículo.

O segundo ponto mais vulnerável, correspondendo a 17% dos ataques, foram os servidores, onde se armazenam as informações dos veículos e o equipamento que se conecta com outros dispositivos. Alguns testes já mostraram que invasões nos servidores são capazes de enviar comandos a um carro em movimento, o que pode ser bastante perigoso.

Segundo o relatório, conforme o setor aprende com os dados, inevitavelmente ocorre um aumento na quantidade e gravidade dos incidentes. Mais e mais hackers estão focados em roubar informações ou perturbar serviços de mobilidade, e cabe aos fabricantes e empresas de segurança procurarem tecnologias e meios de impedir tais ataques.


Image result for the end gifs
Isto é tudo pessoal, o Tempo acabou!

A Matrix, o SISTEMA de CONTROLE MENTAL:   “A Matrix é um sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Mais informações, leitura adicional:

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *