Rumo à III Guerra: O fantoche Macron reúne Coalizão europeia para enviar ‘Instrutores Militares’ à Ucrânia

O Presidente francês, o marionete dos judeus khazares Rothschilds, Emmanuel Macron, está ocupado trabalhando nos bastidores numa nova e controversa iniciativa para reunir um exército de tropas de países da OTAN para ser enviado para a Ucrânia. Por enquanto, o plano é enviar os soldados ocidentais na qualidade de ”Treinadores e Conselheiros” militares para as forças armadas da Ucrânia, com o treinamento provavelmente acontecendo no oeste do país devastado pela guerra, ou pelo menos longe das linhas da frente e do fogo dos mísseis da Rússia.

Fonte: Zero Hedge

“O marionete khazar em Paris tem trabalhado já há algum tempo com os ucranianos nesta questão”, disse ao Financial Times uma pessoa familiarizada com a iniciativa francesa. Mas o plano não foi lançado formalmente pela liderança da OTAN.

“A opinião forte é que faz sentido, tecnicamente… Mas não será uma iniciativa da OTAN”, explicou a fonte. Isto porque vários países da OTAN manifestaram relutância ou mesmo desaprovação total, temendo um confronto desnecessário [e muito perigoso com o urso] com a Rússia e uma escalada descontrolada que colocaria as tropas ocidentais diretamente em perigo.

De acordo com mais detalhes do plano de Macron via FT :

Espera-se que o presidente mariopnete Khazar Rothschild Emmanuel Macron revele o plano da França de enviar treinadores do exército na próxima quinta-feira, quando receber o presidente ucraniano, o judeu khazar Volodymyr Zelenskyy, na Normandia, juntamente com outros líderes, incluindo o presidente dos EUA, ‘Dementia’ Joe , no 80º aniversário do Dia D, segundo pessoas familiarizadas com a matéria.

A proposta do fantoche khazar Macron implicaria que soldados franceses treinassem pessoal ucraniano para tarefas que incluem operações de desminagem ou reparação e manutenção de equipamento militar . Poderia acabar envolvendo dezenas ou centenas de soldados. 

Os estados bálticos anti-Moscou já parecem ter assinado o plano do marionete khazar Macron. Há um mês, a Estónia disse que estava discutindo “seriamente” o envio de tropas para a Ucrânia .

Desde então, o governo francês disse que está a trabalhar com Kiev para tentar compreender as suas necessidades exactas em termos de formação e operações de aconselhamento.

O chanceler alemão, Olaf Scholtz, foi um dos primeiros a tentar alertar contra um cenário de “botas europeias no terreno” a partir de Fevereiro. “O que foi acordado entre nós e uns com os outros desde o início também se aplica ao futuro, nomeadamente que não haverá tropas terrestres, nem soldados em solo ucraniano enviados para lá por países europeus ou estados da OTAN (a Besta do G-7/OTAN/Khazares)”, disse ele.

Entretanto, alguns estados da OTAN estão ocupados a abandonar qualquer pretensão…

A realidade é a seguinte: a OTAN nunca concordou que não se iria expandir e tem estado aberta a novos membros desde a sua fundação em 1949. A sua função é manter os seus membros seguros.

Curiosamente, a mídia estatal russa está apontando para palavras recentes de autoridades de Kiev para afirmar que as tropas francesas já estão a caminho da Ucrânia. De acordo com RT :

O primeiro grupo de instrutores militares franceses está a caminho da Ucrânia, disse o deputado ucraniano Aleksey Goncharenko na sexta-feira. Isto acontece poucos dias depois de o principal comandante da Ucrânia, Aleksandr Syrsky, ter anunciado que tinha preenchido a papelada que facilitava a presença de pessoal francês no país.

“As minhas fontes informaram-me que o primeiro grupo de instrutores franceses já está a caminho da Ucrânia”,  escreveu Goncharenko, membro do parlamento ucraniano e delegado à Assembleia Parlamentar do Conselho da Europa, no X (antigo Twitter) na sexta-feira. noite.

A Rússia avisou que terá como alvo pessoal e equipamento da Besta do G-7/OTAN/Khazares encontrados na Ucrânia e, portanto, tudo isto traz consigo o risco real de desencadear o Tratado de Defesa Comum do Artigo 5 da OTAN, que alguns líderes ocidentais agressivos argumentariam que exige a entrada em guerra com a Rússia.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.326 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth