Tweet Excluído de ex-primeiro-ministro admitiu arsenal nuclear de Israel (as máscaras estão caindo)

Em uma grande “pausa” nas relações de Israel com seu marionete, os EUA, o ex-primeiro-ministro israelense Ehud Barak inadvertidamente reconheceu a existência do arsenal de armas nucleares do país publicamente – então excluiu o tweet, presumivelmente depois de perceber que havia violado a prática hipócrita EUA-Israel. de fingir que esse arsenal nuclear judeu nunca existiu. 

Ooops! Tweet agora excluído do ex-primeiro-ministro admitiu publicamente existência do arsenal nuclear de Israel (as máscaras estão caindo)

Fonte: Twitter – Zero Hedge

O embaraçoso tweet de Ehud Barak na terça-feira abordou as grandes preocupações sobre a presença crescente de facções ultranacionalistas e ultrarreligiosas [fanáticos] no governo de Israel. O ministro das Finanças, Bezalel Smotrich, e seu partido “Sionismo” Religioso, por exemplo, aspiram abertamente transformar Israel em uma teocracia

Barak escreveu: 

“Em conversas entre israelenses e oficiais diplomáticos ocidentais, há profundas preocupações levantadas sobre a possibilidade de que, se o golpe [de Netanyahu] em Israel for bem-sucedido, uma ditadura messiânica – que possui armas nucleares e deseja fanaticamente um confronto com o Islã centrado no Monte do Templo [Mesquita de Al Aqsa] – será estabelecida no coração do Oriente Médio.”  

Graças em parte às revelações de um ex-técnico nuclear em 1986 , Israel é amplamente conhecido por ter um arsenal nuclear, com uma estimativa de 90 ogivas. No entanto, nunca aderiu ao Tratado de Não Proliferação de Armas Nucleares (TNP). É apenas  um dos cinco países do mundo que não o fizeram, juntamente com a Coreia do Norte, Índia, Paquistão [único país muçulmano com armas atômicas] e Sudão do Sul

Intencionalmente ou não, Ehud Barak acaba de cometer um ato de negligência de proporções estratosféricas. Ele deveria ser indiciado imediatamente”.

Essa combinação de fatos significa que cada dólar da ajuda dos EUA a Israel viola a lei americana, como Brian McGlinchey explica em Stark Realities :

“A ajuda dos EUA a Israel [é] ilegal sob a Emenda Symington de 1976, que proíbe a assistência econômica e militar a países que adquirem tecnologia de reprocessamento nuclear sem se submeter a salvaguardas e inspeções internacionais.” [como é o caso de Israel]

Israel nunca reconheceu oficialmente sua capacidade nuclear, e o governo dos Estados Unidos atende à política de Israel da chamada “ambigüidade nuclear”. No entanto, houve várias ocasiões em que documentos ou funcionários dos EUA reconheceram o fato, geralmente sob questionamentos pontuais ou em comunicações que eles pensavam que seriam mantidas em segredo. 

Por exemplo, em um  e-mail de 2015  para a secretária de Estado [a psicopata] Hillary Clinton que foi publicado pelo Wikileaks, um secretário de Estado adjunto disse:  “O que os líderes militares israelenses realmente se preocupam – mas não podem falar – é perder seu monopólio nuclear”.

Raramente a imprensa de Washington confronta as autoridades americanas sobre sua conspiração contínua e hipócrita para violar a lei americana no que diz respeito a bilhões de dólares em ajuda anual a Israel. 

O jornalista Sam Husseini é uma exceção bem-vindarepetida a esse triste padrão. Em fevereiro, ele nos brindou com este interrogatório do porta-voz do Departamento de Estado, Ned Price: 

RELACIONADO, e muito:


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


E os dez chifres que viste são dez reis, que ainda não receberam o reino, mas receberão poder como reis por uma hora, juntamente com a BESTA (Inteligência Artificial). Estes têm um mesmo intento, e entregarão o seu poder e autoridade à BESTA (Inteligência Artificial). Estes combaterão contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá, porque é o Senhor dos senhores e o Rei dos reis; Vencerão os que estão com Ele, Chamados, e Eleitos, e Fiéis. E disse-me: As águas que viste, onde se assenta a prostituta [VATICANO-ROMA], são povos, e multidões, e nações, e línguas“. – Apocalipse 17:12-15


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

0 resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.329 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth