browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Ataque do FBI em prédio de Epstein, Clinton e seus associados no escândalo de Pedofilia, derruba energia em N. York

Posted by on 15/07/2019

Um novo relatório do Serviço de Inteligência Estrangeira (SVR) do  Kremlin afirma que o apagão de energia que atingiu o centro da cidade de N. York há alguns dias, que deixou a famosa Broadway em Manhattan  sem energia, foi na verdade, causado por uma operação secreta conduzida por comandos de elite do FBI pertencentes ao Critical Incident Response Group (CIRG), explorando instalações subterrâneas de um edifício na Broadway nº 1633 sem chamar a atenção do público, em edifício onde esta a Fundação Clinton e de vários contatos de Jeffrey Epstein.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Ataque do FBI em prédio de Epstein, Clinton e seus associados no escândalo de Pedofilia, derruba energia em N. York

Fonte:  http://www.whatdoesitmean.com/

Ocorre que se trata de “apenas de um endereço que abriga” os escritórios da Fundação Clinton e de três dos principais e notórios predadores sexuais doadores do Partido Democrata, o milionário Jeffrey EpsteinTerry Bean e Ed Buck, que constituem o que agora está sendo chamado de “O Clube do Sexo dos Doadores Democratas, que estão sendo alvo de destruição e exposição pelo presidente Donald Trump em sua luta contra o Deep State para tornar a “América Grande outra Vez”.

De acordo com este relatório, no horário das 02:00 de Moscou (GMT + 3) em 14 de julho de 2019, o SVR  recebeu um boletim de alerta do Ministério da Defesa (MoD) da Rússia relatando que eles detectaram um potente pulso (EMP) eletromagnético. rastreado pelo satélite Kosmos 2537 que foi detectado sobre a cidade de Nova Iorque, ocorrendo às 18:47 {18h47 (GMT-5) no horário local em 13 de julho}.

Uma análise mostrou que esse pulso ELETROMAGNÉTICO foi gerado por um dispositivo “CHAMP” {acrônimo  de Counter-electronics High-powered Microwave Advanced Missile Project – “Projeto de Mísseis Avançados de Microondas de Alta Potência de Contra-Eletrônica} da USAF desenvolvido pela Boeing, que pode disparar várias vezes, identificando e apagando apenas alvos essenciais – e que os comandos de elite altamente treinados do FBI  pertencentes ao Critical Incident Response Group (Grupo de Resposta a Incidentes Críticos CIRG) são treinados para usar.

O Por Que esse grupo de elite do FBI teria necessidade para empregar secretamente uma arma de pulso EMP na  cidade de Nova York, este relatório explica, é devido ao fato de terem de se proteger contra e derrubar uma série de barreiras eletrônicas de armas defensivas que protegem os escritórios da Fundação Clinton, e uma mansão em Nova York, de propriedade do traficante de escravas sexuais e pedófilo Jeffery Epstein.

As barreiras eletrônicas de defesa encontradas são iguais as que existem nas instalações do complexo da ilha de Epstein no Caribe (conhecida pelo nome Orgy Island – Ilha da “Orgia”)  e na sua quase inexpugnável fortaleza no Novo México que agora é a maior propriedade do estado, para que o grupo de elite do FBI pudesse efetuar uma série de buscas em segredo a respeito do escândalo de pedofilia de Epstein nestes locais bem protegidos.

Sobre o porquê de Epstein precisar de sistemas de segurança comparáveis ​​apenas àqueles usados ​​por países para proteger os seus segredos mais bem guardados, o relatório revela que Epstein possui fitas de vídeo gravadas mostrando membros das poderosas elites do ocidente fazendo sexo com crianças e usadas para chantagem.

Um dos vídeos mais explosivos seria o do ex- presidente Bill Clinton estuprando uma menina de 13 anos e cujas fitas sendo usadas pelo judeu khazar Epstein (ou pelos seus controladores) em seu vasto esquema de chantagem melhor examinado na análise de suas finanças e na origem de sua riqueza – uma teoria confirmada ontem por alguns dos principais especialistas em finanças da América que afirmaram:

“Diante desse intrigante conjunto de dados, os gerentes de fundos de hedge com os quais conversamos inclinaram-se para a teoria de queEpstein estava administrando um esquema de chantagem sob a capa de um fundo de hedge”.

Caso Epstein apóia afirmações de QAnon sobre culto satânico Illuminati/Deep State

Embora a queda do pedófilo, traficante sexual de menores e chantagista  Jeffrey Epstein em um ataque do FBI por parte do governo do presidente Trump agora jogue luz sobre seus cúmplices criminosos – como a herdeira judeu khazar socialista  britânica Ghislaine Maxwell, notória acusada de procurar e usar garotas jovens para praticas de atos sexuais com Epstein e sua elite de “convidados , e cujo pai Robert Maxwell foi assassinado, um judeu khazar “superespião” do Mossad sraelense.

Este relatório continua dizendo que o que é ocultado pela mídia mainstream dos norte americanos é que essas pessoas são apenas alguns dos muitos top mega-doadores para o Partido Democrata que enfrentam acusações de crimes sexuais contra crianças – e as pessoas mais importantes incluem:

-Terry Bean – um proeminente ativista norte-americano pelos direitos dos homossexuais relacionado com Hillary Clinton, o ex-presidente Bill Clinton e o ex-presidente Barack Obama – apenas mencionando alguns de seus principais amigos do Partido Democrata – que desapareceram de forma chocante das acusações de crimes sexuais contra ele como também foi feito com Epstein em 2008 na Flórida – mas cujos dias de liberdade estão contados na medida que, novamente, como Epstein, essas acusações criminais contra ele estão sendo reabertas.

– Conselho das 13 ‘Famílias reais, a Cabala, os Reptilianos e os Illuminati

-Ed Buck – outro proeminente ativista norte-americano pelos direitos dos homossexuais amigo pessoal dos democratas Hillary Clinton, o do ex-presidente Bill Clinton e o ex-presidente Barack Obama – apenas citando alguns de seus principais amigos líderes do Partido Democrata – que são acusados ​​de tráfico de pessoas e vingança depois que outro homem jovem e negro que usava drogas morreu em sua casa – e cujas acusações civis em curso contra ele serão, sem dúvida, logo seguidas por acusações criminais.

-Laura Silsby – que tentou sequestrar 33 crianças do Haiti por Hillary Clinton .

Na medida em que este império de exploração de sexo infantil com meninas menores escravas sexuais liderado por Hillary e Bill Clinton assola o pais, o Partido Democrata desmorona, este relatório conclui, e é importante notar que os poderosos  advogados do Partido Democrata ajudaram muitos vilões criminosos sexuais a se livrarem das garras da justiça.

– Como Jorge Puello Torres, que ganhou a liberdade para a sequestradora de crianças  Laura Silsby, mas que depois foi presa e acusada de tráfico sexual infantil 

– Lori Deveny, que ganhou a liberdade para  Terry Bean, da acusação de crime sexual infantil, mas que agora enfrenta uma série de acusações criminais  federais e estaduais

– E, o mais importante, o professor da Universidade de Harvard, o judeu khazar pró Israel Alan Dershowitz, que ao ganhar liberdade da acusação de traficante de escravos sexuais deu uma entrevista televisiva onde ele alega que contratou essas jovens prostitutas, admitindo ao mesmo tempo que recebeu “massagens” delas, mas disse que estava vestido com suas roupas de baixo no momento das “massagens”.

Esse episódio do uso das forças de elite do FBI demonstra que o escândalo sexual que assola vários membros da elite de políticos ligados ao Partido Democrata esta apenas em seu princípio e que mais eventos “inusitados” devem emergir, na medida em que as forças federais e da justiça de N. York pressionam cada vez mais os suspeitos de participação nesse imenso anel de prostituição infantil nos EUA. Enfim, parece que o PÂNTANO finalmente começou a ser drenado conforme o prometido.

Putin acusa: O Ocidente é controlado por “Satanistas Pedófilos

Em 14 de julho de 2019 © EU e EUA todos os direitos reservados. A permissão para usar este relatório em sua totalidade é concedida sob a condição de que ele seja vinculado de volta à sua fonte original em WhatDoesItMean.Com. Conteúdo do Freebase licenciado sob CC-BY e GFDL .


ATUALIZAÇÃO: 

Agentes do FBI que abriram um cofre na mansão em Manhattan de Jeffrey Epstein descobriram “pilhas de dinheiro” em espécie, dezenas de diamantes e um passaporte vencido a partir da década de 1980  de Epstein com um nome diferente cujo endereço dava sua residência como a Arábia Saudita, de acordo com o Daily Beast  –  que observa que não está claro se este é o mesmo cofre que continha fotografias nuas ou semi-nuas do que se acredita serem de meninas menores de idade.  “O passaporte foi emitido em nome de um país estrangeiro, foi emitido nos anos 80, já expirou, com uma foto de Jeffrey Epstein com outro nome”, disse o procurador-assistente Alex Rossmiller. Também este é um cofre diferente do que supostamente está em uma sala “proibida” em sua ilha particular no Caribe.

Os Promotores federais revelaram as descobertas durante uma audiência dessa segunda-feira, para a qual o juiz distrital Richard Berman disse que iria anunciar uma decisão na próxima quinta-feira. Alguns dos acusadores de Epstein estavam presentes durante a sessão do tribunal para se opor ao seu pedido de libertação em prisão domiciliar que está  aguardando julgamento por meninas menores de idade com quem ele traficou sexo. Tanto promotores federais quanto um oficial da condicional federal  recomendaram contra deixar Epstein sair livre sob fiança,  sugerindo que ele é um alto risco de fuga que deve permanecer detido preso. 

A audiência dessa segunda-feira segue uma enxurrada de denúncias em que a equipe de defesa de Epstein e os promotores federais duelaram sobre se o pedófilo administrador de fundos de hedge ficaria preso em casa se fosse libertado. O governo argumentou que as conexões internacionais e a riqueza de Epstein – estimadas em mais de US$ 500 milhões em um documento judicial – significavam que seria fácil para ele ir além do alcance da lei.

Mesmo que ele não se tornasse fugitivo, argumentaram os promotores, Epstein tem uma história de adulteração de testemunhos, incluindo a transferência de US$ 350 mil  no ano passado para dois supostos cúmplices depois que o Miami Herald  publicou sua exposição sobre o seu acordo judicial  na Flórida em 2008. – Daily Beast


Image result for puppet gifA Matrix (o SISTEMA de CONTROLE MENTAL)“A Matrix é um sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… 

As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando salvar. “Mas até que nós consigamos salvá-los, essas pessoas ainda serão parte desse sistema de controle e isso os transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você  para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

 

 

One Response to Ataque do FBI em prédio de Epstein, Clinton e seus associados no escândalo de Pedofilia, derruba energia em N. York

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.