Até a I.A. suspeita do Complexo Industrial Militar

Em minha leitura eclética, encontrei algumas referências ao ChatGPT, um experimento em inteligência artificial (IA). Você faz uma pergunta ao bot de IA, ou lhe dá uma tarefa, e ele cospe uma resposta, e devo dizer que obtive uma resposta muito boa, a julgar pela pergunta que fiz. De qualquer forma, o ensaio do bot de IA sobre os grande conglomerados industriais da defesa do Complexo Industrial Militar-CIM traz alguns pontos muito positivos.

Fazendo uma pergunta importante aos deuses do computador

Fonte: BracingViews.com – Por W.J. Goshawk

Minha tarefa para o bot de IA: “Escrever um ensaio crítico sobre o Complexo Industrial Militar”. Aqui está a resposta que a IA gerou:

O Complexo Industrial Militar refere-se à relação entre as forças armadas de um país e os grandes conglomerados da indústria de defesa que as abastece com armas e munições, vistas em conjunto como interesses investidos que influenciam as políticas públicas. Esta relação tem sido uma fonte de preocupação para muitas pessoas, que argumentam que pode levar a uma expansão desnecessária dos orçamentos militares e a uma confiança excessiva nas soluções militares para os problemas políticos.

Uma das principais críticas ao Complexo Industrial Militar é que ele pode resultar no desperdício do dinheiro do contribuinte. Os contratos militares geralmente são concedidos a um grupo seleto de empresas, o que pode resultar em cobrança excessiva de bens e serviços. Além disso, os militares frequentemente compram armas e equipamentos desnecessários ou inadequados para as tarefas em mãos. Isso pode levar a uma quantidade enorme de desperdício e ineficiência, pois os recursos são despejados em projetos que não agregam muito valor [como exemplo temos o avião de caça de última geração da Lockheed Martin, o problemático F-35 Lightning II ou F-35]

Outra preocupação é que o Complexo Industrial Militar pode distorcer a tomada de decisões em política externa. Países com um forte Complexo Industrial Militar podem ser mais propensos a se engajar em ações militares, mesmo quando soluções diplomáticas seriam mais apropriadas. Isso pode levar a uma escalada de conflitos e a um maior risco de guerra.

Os grandes conglomerados industriais do Complexo Industrial Militar também pode ter impactos negativos na política interna. Pode desviar recursos de outras prioridades importantes, como educação e saúde. Além disso, a influência da indústria de defesa nas decisões políticas pode levar à priorização das necessidades de fornecedores militares em detrimento das necessidades do público em geral.

Alguns argumentaram que o Complexo Industrial Militar representa uma ameaça à democracia, pois pode dar influência indevida a um pequeno grupo de interesses poderosos. Isso pode levar à falta de transparência e responsabilidade na tomada de decisões, bem como a um processo político distorcido.

Em conclusão, o Complexo Industrial Militar é uma questão complexa e multifacetada que pode ter impactos negativos na política interna e externa. É importante que os cidadãos estejam cientes dos perigos potenciais dessa relação e responsabilizem seus representantes eleitos por garantir que os gastos militares sejam responsáveis ??e transparentes.

Nada mal para uma máquina! Em primeiro lugar, estou feliz por não ser mais um professor ensinando e corrigindo trabalhos ativamente. Algo me diz que mais do que alguns alunos podem estar pedindo ajuda ao bot de IA em suas tarefas. Frequentemente, eu era capaz de pegar plágio (o sorteio era um ensaio escrito muito bem com muitas “palavras grandes” usadas corretamente) procurando por certas frases ou sentenças que me pareciam mais do que estranhas ou avançadas demais, mas agora com esses Programas de IA acho que será muito mais difícil garantir que os alunos façam seu próprio trabalho.

De qualquer forma, o ensaio do bot de IA sobre os grande conglomerados industriais da defesa do Complexo Industrial Militar-CIM traz alguns pontos positivos, você não acha? Embora ainda haja espaço para um humano aqui (pelo menos eu espero que sim).

Então, o que essa inteligência humana (que sou eu) tem a dizer?

  1. “Expansão desnecessária dos orçamentos militares”: com certeza! O último orçamento do Pentágono é de US$ 858 bilhões, sem contar cerca de US$ 45 bilhões em ajuda (principalmente militar) à Ucrânia. Também deixa de fora muitos gastos relacionados à segurança interna, policiamento e afins. Segundo algumas estimativas, 2/3 do orçamento discricionário federal  é dedicado a  militares, segurança e policiamento.
  2. “Excesso de confiança em soluções militares”: bingo! Afeganistão, Iraque, Líbia, Síria, Somália, Iêmen, toda a “guerra contra o terror” foi e é impulsionada pela ideia de que a força militar singular dos Estados Unidos pode resolver tudo.
  3. Um “interesse investido” que “influencia a política pública”: acho que o bot de IA leu o aviso de Eisenhower sobre a influência indevida do CIM e o perigo que representa para a liberdade e a democracia.
  4. Uma “enorme quantidade de desperdício e ineficiência”: parece que o bot de IA ouviu que o Pentágono está perdendo trilhões de dólares e falhou em cinco auditorias consecutivas.  Provavelmente já ouviu falar de armas inúteis como o caça F-35 e o B-21 também. (Coincidência: enquanto eu digitava “desperdício”, o computador corrigiu meu erro ortográfico inicial para “odioso”. Sim, suponho que um bombardeiro nuclear que pode matar milhões poderia ser descrito como “odioso”).
  5. “Escalada de conflitos” e “aumento do risco de guerra”: Bem, fico feliz que nossos líderes tenham a situação da Ucrânia sob controle e estejam buscando uma solução diplomática bem ponderada.  (Sim, isso é sarcasmo. Combine isso, bot de AI!)
  6. “Impactos negativos na política doméstica”: Bem, fico feliz que os americanos tenham assistência médica excelente e acessível, praticamente nenhuma dívida devido a custos educacionais e que John Q. Public seja ouvido tanto quanto a Boeing e a Raytheon nos salões do poder. (Mais sarcasmo do humano!)
  7. “Falta de transparência e responsabilidade”: Rapaz, esse bot de IA é inteligente! Quando foi a última vez que você ouviu falar de um general ou almirante dos EUA sendo demitido por perder uma guerra?
  8. “Importante que os cidadãos estejam cientes dos perigos potenciais” do CIM: Viva o bot AI! Se ao menos ainda tivéssemos cidadãos na América que fossem informados sobre os perigos do CIM.  Todos nós fomos reduzidos a consumidores passivos e eleitores ocasionais que são instruídos pela grande mídia a torcer pela guerra e se deleitar com a beleza de nossos mísseis.

Acho que você concordará, caro leitor, que o bot de IA é menos sarcástico e mais imparcial do que eu. Também fala com muito mais probidade dos perigos do CIM do que pessoas como [‘Dementia’ Joe] Biden, Trump, [a senil] Pelosi ou DeSantis. Então eu digo “três vivas!” para o nosso novo robô mestre.  ChatGPT para Presidente em 2024!

Apenas certifique-se de fazer as perguntas certas…mesmo se for feita a um cérebro artificial.


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal  AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”. para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Você não é deste mundo. Você não é este corpo que habita. Você não é essas emoções, esses pensamentos, esse EGO com o qual se identifica. Você nem mesmo é sua vida ou a morte. Quando você é capaz de se distanciar dessas coisas, então o verdadeiro você, o você gnóstico, entra no foco de sua cognição. Mais puro que o éter, mais radiante que o sol, mais puro que a neve acumulada, cheio de vida e retirado do contexto da morte, este é o eu que você é. Para ajudá-lo a saber disso, Krishna, Buddha, Jesus e todos os outros grandes Mensageiros da Luz vieram a este mundo, fazendo o sacrifício de vir da plenitude para o caos para trazer isso [esse CONHECIMENTO] a você. Você deve saber disso, e deve fazer isso, porque sem ele você não está realmente vivo, não está realmente consciente, mas com ele, você é todas as coisas, você tem todas as coisas, e o Tudo se tornou você. Esta é a mensagem da GNOSE!  Richard, Duc de Palatine (1916–1977)


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

2 respostas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.326 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth