Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

BRICS já tem Peso Econômico maior que o ‘Acordado Hospício’ do G-7

Literalmente, um bando de PALHAÇOS . . .

O bloco de cinco países em desenvolvimento, Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, com total de  3,24 bilhões habitantes nesses 5 países, 41,04% da população mundial, tem uma parcela maior do PIB global do que o Grupo das principais economias do G-7, segundo pesquisa. O bloco de países do BRICS, contribui com 31,5% do PIB mundial. Já o G-7, formado por [o Hospício ‘acordado’] EUA, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão e Reino Unido, e considerado o bloco econômico de países mais avançado [controlado] do planeta, soma 30,7%.

BRICS já tem Peso Econômico maior que o ‘Acordado Hospício’ do G-7

Fonte: Rússia Today

O grupo de países do BRICS, formado pelas cinco maiores economias em desenvolvimento do mundo, ultrapassou o Grupo dos Sete (G-7) ao representar uma parcela maior do produto interno bruto (PIB) global com base na paridade do poder de compra, dados compilados pela Acorn Macro Consulting, uma Empresa de pesquisa macroeconômica sediada no Reino Unido, demonstra.

Segundo os resultados, o bloco de países do BRICS, Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul, contribui com 31,5% do PIB mundial. Já o G7, formado por Estados Unidos, Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão e Reino Unido, e considerado o bloco econômico de países mais avançado do planeta, soma 30,7%.

Espera-se que a diferença entre os dois grupos continue a crescer, à favor do BRICS, dizem os analistas, à medida que a China e a Índia estão experimentando um crescimento econômico robusto e mais países estão interessados ??em ingressar no BRICS.

No início deste ano, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, disse que “mais de uma dúzia” de nações expressaram interesse em ingressar no BRICS, incluindo Argélia, Argentina, Bahrein, Bangladesh, Indonésia, Irã, Egito, México, Nigéria, Paquistão, Sudão, Síria , Turquia, Emirados Árabes Unidos e Venezuela

Enquanto isso, a Arábia Saudita, o Egito e Bangladesh adquiriram participação no Novo Banco de Desenvolvimento, organização financiadora dos BRICS.LEIA MAIS: Brasil e China assinam acordo para abandonar dólar

No ano passado, os países do BRICS propuseram a criação de sua própria moeda para se afastar do dólar americano e do euro nas transações mútuas.

Os acordos internacionais nessas moedas foram dificultados para a Rússia, membro fundador do BRICS, por sanções relacionadas ao conflito na Ucrânia. Mais recentemente, o presidente russo, Vladimir Putin, sugeriu o uso do yuan chinês em transações com aliados do BRICS e outros parceiros internacionais na Ásia, África e América Latina.


{Nota de Thoth: A estrondosa queda da “Estátua de Nabucodonosor“, com o fim do Hospício e os psicopatas da civilização ocidental e a própria destruição da região da cidade de Roma [incluso a cloaca do Vaticano] estão bem próximos de acontecer. O Hospício Ocidental, o circo do G-7 [do qual dois marionetes já caíram, Mario Draghi e Boris Johnson], os ditos “Países de Primeiro Mundo” vão fazer face ao seu carma “liberal“}


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Artigos Relacionados:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *