Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

‘Cometa de Natal’, o Leonard (C / 2021 A1) dá show ao se aproximar do sol

O cometa Leonard, composto de poeira espacial, rocha e gelo, está chegando cada vez mais perto do Sol. O objeto cósmico se aproximará ao máximo de nosso astro em 3 de janeiro. A nave espacial Solar Orbiter da ESA/NASA tem acompanhado seu percurso durante os últimos dias. O vídeo, composto por uma sequência de imagens gravadas entre os dias 17 e 19 de dezembro pelo sensor de Imagens heliosférico SoloHI a bordo da nave, mostra o cometa deslizando pelo céu com a Via Láctea em um pano de fundo. Vênus e Mercúrio também podem ser vistos no canto superior direito, Vênus parece muito mais brilhante se movendo da esquerda para a direita.

Cometa Leonard é captado perto do Sol, sua próxima passagem será daqui a 80 mil anos (VÍDEO)

Fontes: SpaceweatherSputnik

O cometa C/2021 A1 ou Leonard, descoberto pelo astrônomo dos EUA Gregory J. Leonard em 3 de janeiro de 2021, destaca-se por sua trajetória hiperbólica e seu longo período orbital.

O astro, com cerca de um quilômetro de diâmetro, demora cerca de 40.000 anos para alcançar seu ponto mais distante do Sol, ou seja, se a trajetória do cometa não mudar, sua próxima visita será daqui a 80.000 anos.

No próximo dia 3 de janeiro, o C/2021 A1 passará a 90 milhões de quilômetros do Sol, cerca de metade da distância entre o nosso astro e a Terra.O sensor SoloHI continuará observando o cometa até que ele deixe o seu campo de visão em 22 de dezembro, quando será complementado por outras observações do instrumento.

Se você adora cometas, Feliz Natal. O cometa Leonard (C / 2021 A1) se tornou um verdadeiro presente. “O que está acontecendo hoje é simplesmente de tirar o fôlego”, relata Michael Jaeger, que fotografou o cometa usando um telescópio de 8 polegadas na Namíbia:

Crédito da foto: Michael Jaeger e Lukas Demetz de skygems.namibia

A magnífica cauda do cometa Leonard é trançada com vários filamentos de gás e poeira. Eles foram criados por uma série de explosões que começaram em 15 de dezembro. Duas ou talvez três explosões no núcleo do cometa enviaram faixas de detritos descendo pela cauda.

As mesmas explosões aumentaram o brilho do cometa. Agora está brilhando como uma estrela de 4ª magnitude na constelação de Microscopium , um alvo fácil para pequenos telescópios no hemisfério sul.

Mais explosões estão por vir. O cometa está se dirigindo para sua maior aproximação do sol (0,61 UA) em 3 de janeiro. O aumento do calor pode liberar novos jatos de gás e poeira e talvez até mesmo levar para longe grandes pedaços de gelo e rocha. Fique ligado!


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal  AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”. para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é anjo-espada-colheita-01.png

“Você não é deste mundo. Você não é este corpo que habita. Você não é essas emoções, esses pensamentos, esse ego com o qual se identifica. Você nem mesmo é sua vida ou morte. Quando você é capaz de se distanciar dessas coisas, então o verdadeiro você, o você gnóstico, entra no foco de sua cognição. Mais puro que o éter, mais radiante que o sol, mais puro que a neve acumulada, cheio de vida e retirado do contexto da morte, este é o eu que você é. Para ajudá-lo a saber disso, Jesus e Buddha e todos os outros grandes mensageiros de luz vieram a este mundo, fazendo o sacrifício de vir da plenitude para o vazio para trazer isso a você. Você deve saber disso, e deve fazer isso, porque sem ele você não está realmente vivo, não está realmente consciente, mas com ele, você é todas as coisas, você tem todas as coisas, e o Tudo se tornou você. Esta é a mensagem da Gnose! ”  – Richard, Duc de Palatine (1916–1977)


Saiba mais, leitura adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *