Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Enki: Cientistas Anunnaki em Estase estão Despertando

Em 1º de novembro, minha fonte insider do Exército dos EUA, JP, revelou que outro anunnaki gigante em uma câmara de estase havia sido encontrado no Iraque. De acordo com outras fontes, o gigante faz parte de um grupo de 12 cientistas extraterrestres deixados por uma facção dos Anunnaki. JP deu detalhes da localização do gigante em estase como situado em algum lugar sob os restos da antiga cidade suméria de Nippur, que era a antiga capital do líder da frota espacial Anunnaki, Enlil, e seu filho Ninurta.

Enki: Cientistas Anunnaki em Estase estão Despertando

Fonte: Exopolitics.org

A localização de Nippur como um dos lugares onde um anunnaki em estase poderia ser encontrado foi altamente significativa, pois significava que parte da antiga tecnologia espacial Anunnaki era quase certa de ser encontrada escondida nas ruínas enterradas na região. 

Em meu artigo anterior discutindo a atualização de JP, mencionei como o militar da Federação Galáctica, o pleiadiano Thor Han Eredyon havia revelado a identidade do gigante para Elena Danaan como sendo Arunna, um dos filhos de Enlil. 

A fim de descobrir mais sobre Arunna e outros anunnakis suspensos em estase, Elena perguntou a Enki (também conhecido como Ea) sobre a identidade dos Anunnaki adormecidos que foram deixados para trás quando ele deixou a Terra após o Grande Dilúvio (em cerca de 10.986 aC).

O que se segue são as respostas do anunnaki Enki, filho de Anu, às perguntas de Elena, onde ele discute um total de 12 cientistas Anunnaki que foram deixados para trás, cada um possuindo conhecimento esotérico único e segredos tecnológicos:

[Enki] Minha tripulação decidiu ficar, bem, de fato, a maioria deles. Alguns outros decidiram deixar a Terra comigo. Eles queriam ir para casa [Nibiru]. Mas os que ficaram assumiram a missão e a responsabilidade de serem os “Guardiões do Conhecimento“. Cada um deles, você vê, são ativadores-chave para a tecnologia. Não apenas a chave de frequência genética de seu corpo é necessária, mas também deve ser acoplada à sua consciência pessoal. Vejam, a consciência é a chave.

[Elena] Quantos são eles, os Anunnaki adormecidos em êxtase?

[Enki] Eles eram doze, mas quatro corpos foram destruídos e um está sob custódia do inimigo. Sete permanecem intocados; quatro estão em processo de ativação.

[Elena] Kukulkan é um dos quatro?

[Enki] Voce é rápida, sim.

[Elena] Quem são os outros?

[Enki] Saber seus nomes faz parte do processo de ativação, então não posso divulgar seus nomes verdadeiros. Você entende? Alguns ainda não estão prontos.

[Elena] Eu entendo. Thor Han me disse que aquele encontrado sob Nippur se chama Arunna. Isso está certo?

[Enki] Como você sabe sobre ele?

[Elena] Nosso amigo [insider JP] que está nos programas militares secretos da Terra nos contou. Ele pode ir para uma missão lá.

Elena está aqui se referindo a JP, que foi o primeiro a receber detalhes sobre uma nova descoberta de um anunnaki em estase localizado no Iraque e passou as coordenadas geográficas de onde seu corpo em estase foi encontrado. 

JP já havia testemunhado a descoberta de um anunnaki adormecido em uma caverna da Flórida que Thor Han Eredyon identificou como Ningishzida, que também foi conhecido como Kukulcan, Quetzacoatl, Viracocha, etc.

O processo de ativação de Ningishzida teve um impulso quando ele foi identificado em uma grande conferência em Orlando com mais de 900 participantes que participaram de uma cerimônia de ativação liderada por um xamã asteca Quetza Sha.

Em seguida, Elena levantou a questão das tecnologias que poderiam ser encontradas em Nippur, e Enki passou a elaborar sua natureza avançada e nível tecnológico :

[Elena] Thor Han disse que Arunna é um engenheiro cientista especializado em espaçonaves.

[Enki] Um mestre construtor de espaçonaves. A tecnologia que ele está guardando tem grande poder. Com os naves também estão os principais mecanismos de propulsão e uma tecnologia muito maior: fontes de energia. Os contêineres ainda estão lá, mas ninguém no planeta Terra sabe como ativá-los. Os terráqueos têm até medo de manusear esses contêineres. Então, eles estão esperando as chaves para entender como funciona. A chave é a Consciência do Genoma.

[Elena] Alguém encarnado na Terra, que tenha a mesma genética, pode ativar essa tecnologia?

[Enki] Como você acha que eles escolheram os soldados e as pessoas para essas missões? Todos têm o genoma. E você sabe, caso contrário, eles não poderiam acessar os lugares. Os escudos de frequência iriam detê-los.

Por “Genome-Consciousness” Enki está se referindo a indivíduos como JP e o romeno Radu Cinamar, descritos na série de livros Transylvanian Sunrise, que carregam a genética certa para acessar locais onde tecnologias antigas estão escondidas, passar por sofisticadas barreiras protetoras de frequência e, finalmente, ativar essas tecnologias antigas. Em artigos anteriores , expliquei como JP ativaria tecnologias quando entrasse em antigas arcas extraterrestres enterradas.

Nos últimos dois anos, JP recebeu mais responsabilidade por missões em arcas extraterrestres ocultas e outras tecnologias extraterrestres antigas. Ele tem liderado missões e instruído outros, o que corrobora o que Enki revelou sobre aqueles com a Consciência do Genoma correta sendo as chaves para encontrar e ativar tais tecnologias antigas avançadas.

Da mesma forma, o romeno Radu Cinamar foi autorizado a ir em missões para várias tecnologias antigas associadas a um Hall of Records [SALÃO DOS REGISTROS] enterrado dentro das montanhas Bucegi da Romênia, em uma antiga – pré dilúvio – base subterrânea extraterrestre (Anunnaki?) que se conecta a salões de registros semelhantes no Egito, Tibete e Iraque. Em seus livros, Cinamar explica como a Consciência do Genoma é a chave para acessar tecnologias antigas, de origem extraterrestre ou humana.

Em resposta a outra pergunta de Elena, Enki descreve a existência de um portal estelar escondido sob a abtiga Nippur e sua centralidade para uma rede mais extensa que se conectava ao resto da galáxia.

[Elena] Thor Han mencionou um portal estelar.

[Enki] Lá, sob a área de Nippur fora da cidade antiga, está o portão principal que uma vez conectou este planeta à rede das grandes de rotas desta galáxia. Está desativado, mas é a chave central que liga todos os outros portões. Este portal central conecta portais menores em outros lugares antigos onde registros e tecnologia são mantidos secretamente.

Comecei a escrever sobre o portal estelar do Iraque em 2003 e sendo o verdadeiro motivo da invasão do Iraque pelo governo de Bush. Desde então, muito tem sido escrito sobre a existência de portais estelares e esforços para controlá-los por vários autores.

As respostas de Enki às perguntas de Elena Danaan deram muitos mais detalhes sobre as incríveis tecnologias e informações que podem ser encontradas nos locais onde diferentes cientistas Anunnaki se esconderam em câmaras de estase. De acordo com as informações de JP, esses cientistas eram gigantes em estatura física e eram considerados deuses pelos primeiros humanos. 

À medida que os cientistas Anunnaki despertam, aprenderemos mais sobre a tecnologia e conhecimento que estão enterrados com eles por milênios e como a liberação deste conhecimento ajudará a impulsionar a humanidade para uma nova era de ouro.

Michael Salla, Ph.D.

Muito obrigado a Elena Danaan pela permissão de usar trechos de sua comunicação com Enki-Ea e sua arte. O site dela é: elenadanaan.org

Versão em vídeo do artigo disponível no YouTube , Rumble & OdyseePodcast de áudio no Apple, Spotify ou Google


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é fim-dominio-eua-otan-nabucodonosor-fim-roma.jpg

“Quando é chegada a tarde, dizeis: Haverá bom tempo, porque o céu está rubro. E, pela manhã: Hoje haverá tempestade, porque o céu está de um vermelho sombrio. Hipócritas, sabeis discernir a face do céu, e não reconheceis os sinais dos tempos? Uma geração má e adúltera pede um sinal, e nenhum sinal lhe será dado . . .” – Mateus 16:2-4


0 resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *