Espanha: Agricultores unem-se a Protestos Contra Regulamentações e Histeria Climática da UE

Agricultores espanhóis bloquearam várias estradas importantes em todo o país na terça-feira, naquele que é o mais recente protesto de trabalhadores agrícolas num país europeu, contra o aumento dos custos, dos impostos e da burocracia da União Europeia (UE). Antes dos protestos liderados por sindicatos planeados para quinta-feira, muitos agricultores mobilizaram tratores em todo o país na terça-feira para realizar bloqueios em massa que paralisaram inúmeras vias de trânsito em toda a Espanha.

Os produtores agrícolas da Espanha juntaram-se aos agricultores de vários países da UE em protesto contra a Burocracia Restritiva e’ Histeria Climática’

Fonte: Rússia Today

O mais recente protesto de agricultores seguiu-se a manifestações semelhantes na Alemanha, França, Bélgica, Polônia, Romênia, Irlanda e outros países da UE, com grande parte da sua ira dirigida aos regulamentos da UE que, afirmam, prejudicam a sua capacidade de ganhar a vida num mercado excessivamente burocrático e competitivo.

“Com tonalidades diferentes, em toda a UE, temos os mesmos problemas”, disse Donaciano Dujo, vice-presidente do grupo espanhol de defesa da agricultura ASAJA, à emissora TVE. Antes dos protestos liderados por sindicatos planejados para quinta-feira, muitos agricultores mobilizaram tratores em todo o país na terça-feira para realizar bloqueios em massa que paralisaram inúmeras vias de trânsito em toda a Espanha.

As áreas afetadas incluem Sevilha e Granada, no sul do país, até Girona, no norte do país, perto da fronteira francesa, disse a Reuters na terça-feira, citando autoridades de trânsito locais. A principal reclamação dos agricultores espanhóis é que as políticas da UE impostas para proteger o ambiente prejudicam a sua capacidade de competir com os produtores agrícolas da América Latina ou de outros países.

Agricultores conduzem tratores para bloquear as principais estradas de Granada durante os protestos dos agricultores da região da Andaluzia contra a política agrícola europeia e denunciam a precariedade do setor em Granada, Espanha, em 6 de fevereiro de 2024 ©  Getty Images

“Passamos mais tempo lidando com a papelada do que produzindo no campo”, disse uma agricultora, Eva Garcia, à Reuters. Garcia acrescentou que a Política Agrícola Comum da UE estava a “sufocar-nos”. 

Na terça-feira, no que foi visto como uma concessão por Bruxelas, a Presidente da Comissão Europeia, [a vovó psicopata] Ursula von der Leyen, disse que o bloco pretende remover uma lei controversa destinada a reduzir o uso de pesticidas – descrevendo a legislação como um “símbolo de polarização”. 

Entretanto, também na terça-feira, o Ministério da Agricultura espanhol disse que distribuiria um montante adicional de 269 milhões de euros (289 milhões de dólares) de ajuda a cerca de 140 mil agricultores afetados por uma seca prolongada, bem como pelas crises do mercado provocadas pelo conflito na Ucrânia. .

Na semana passada, a Catalunha declarou estado de emergência devido à seca de três anos que teve um impacto enorme em toda a produção agrícola.

Na Itália, os agricultores italianos também convergiram antes de um protesto planejado em Roma no final desta semana. A Primeira-Ministra Giorgia Meloni declarou o seu apoio, embora os agricultores italianos também tenham manifestado preocupação com os planos do governo para acabar com os subsídios fiscais ao setor agrícola.


“Precisamos do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal – AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”.


Parece duvidoso se, de fato, a política de “Botas no rosto” pode continuar indefinidamente. Minha própria convicção é que a oligarquia governante encontrará maneiras menos árduas e perdulárias de governar e de satisfazer sua ânsia de poder, e essas formas serão semelhantes às que descrevi em Admirável Mundo Novo [uma verdadeira profecia publicada em 1932]. Na próxima geração, acredito que os governantes do mundo descobrirão que o condicionamento INFANTIL e a narco-hipnose são mais eficientes, como instrumentos de governo, do que prisões e campos de concentração, e que o desejo de poder pode ser completamente satisfeito “SUGERINDO” às pessoas para que “AMEM A SUA SERVIDÃO” ao invés de açoita-los e chuta-los até obter sua obediência“. – Carta de Aldous Huxley em 1949 para George Orwell autor do livro “1984”


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.330 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth