Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

EUA [Deep State] está lutando contra Emergência de uma ‘Genuína Ordem Mundial Multipolar’, diz Lavrov à ONU

No seu discurso perante a Assembleia Geral da ONU, no sábado, que apresentou amplamente o ponto de vista de Moscou sobre a situação atual dos assuntos globais, a geopolítica, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, criticou frequente e fortemente o Ocidente, embora na verdade mencionasse muito pouco a Ucrânia. Ele declarou: “Eles estão fazendo tudo o que podem para impedir a formação de uma verdadeira ordem mundial multipolar“.

Washington está lutando contra o surgimento de uma “genuína ordem mundial multipolar”, diz Lavrov à ONU

Fonte: Zero Hedge

Estes são temas familiares, evocados pelo próprio Putin em muitas ocasiões recentemente, vistos na seguinte declaração de Lavrov: “Os EUA e o seu [Hospício] coletivo ocidental subordinado continuam a alimentar conflitos que dividem artificialmente a humanidade em blocos hostis e dificultam a realização de objetivos globais”, ele disse. “Eles estão fazendo tudo o que podem para impedir a formação de uma verdadeira ordem mundial multipolar.

O principal e competente diplomata russo acrescentou: “Eles estão tentando forçar o mundo a jogar de acordo com as suas próprias regras egocêntricas.

Outra ênfase importante foi que o papel do Ocidente e da OTAN na Ucrânia foi muito além de uma simples guerra híbrida ou por procuração, mas na verdade tornou-se uma guerra “direta” [esta semana soldados do exército alemão foram mortos em batalha] – dadas as armas pesadas fornecidas, a assistência dirigida a Kiev, a partilha de informações, e o fato de o solo russo ser agora frequentemente atingido, muitas vezes por armas estrangeiras.

Abaixo está mais uma amostra dos principais momentos e citações do discurso de Lavrov antes da assembleia…

Guerra Direta

Os EUA estão “efetivamente envolvidos em hostilidades conosco, usando os ucranianos como forragem”.

“Você pode chamar isso do que quiser, mas eles estão diretamente em guerra conosco”, disse ele. “Chamam isso de guerra híbrida. Mas isso não muda a realidade”.

“Império das Mentiras”

Americanos e Europeus estão envolvidos em “métodos quase coloniais de subjugação”.

“O nosso futuro está a ser sendo moldado por uma luta, uma luta entre a maioria global, a favor de uma distribuição justa dos benefícios globais… e os poucos que utilizam métodos quase coloniais de subjugação, a fim de manter o seu domínio, que está escapando às suas mãos, pelo meio dos dedos.”

“O Ocidente coletivo há muito que rejeita o princípio da igualdade, olhando para o resto do mundo.”

“Como apontou [o presidente russo Vladimir] Putin, o Ocidente é quem é verdadeiramente um império de mentiras.” [e um hospício cheio de psicopatas]

Provocando crises alimentares e energéticas

As “medidas coercivas unilaterais” – ou sanções – contra as nações mais fracas provocaram uma crise alimentar e energética global.

“Continuamos a insistir na cessação rápida e total do bloqueio sem precedentes e desumano dos EUA a Cuba e no levantamento da decisão absurda de declarar Cuba um Estado patrocinador do terrorismo”, disse ele, ao mesmo tempo que mencionou o mesmo para a Venezuela e a Síria.

As sanções são usadas para “punir aqueles de quem não gostam”.

#Breaking O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergey Lavrov, no sábado – enquanto a reunião da Assembleia Geral da ONU terminava – disse que há poucas perspectivas de paz na guerra contra a Ucrânia – chamou o plano de paz de 10 pontos de Zelenskyy de “completamente inviável”. Lavrov negou que a Rússia tenha sequestrado à força quase 20 mil crianças ucranianas, dizendo que elas foram levadas “para sua própria proteção” quando ocupou território na Ucrânia. Veja a conversa da @CBSNews com adolescentes ucranianos que escaparam ~ Ucrânia, ICC diz que a Rússia está roubando seus filhos.

Lutando contra a ordem multipolar genuína

Washington e os seus aliados estão “a fazer tudo o que podem para impedir a formação de uma verdadeira ordem mundial multipolar”.

“Os EUA e o seu coletivo subordinado continuam a alimentar conflitos que dividem artificialmente a humanidade em blocos hostis e dificultam a realização dos objetivos globais.”

“Eles estão tentando forçar o mundo a jogar de acordo com suas próprias regras egocêntricas.” Mas a Carta das Nações Unidas procura garantir “a igualdade soberana de Estados grandes e pequenos, independentemente da sua forma de governo”.

A mídia russa produziu aqui uma transcrição completa do discurso de Lavrov .


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *