Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Israel está buscando pretexto para Guerra mais ampla no Líbano arrastando os EUA

Alguns membros de alto nível da administração Biden alertaram que Israel poderia estar tentando provocar uma guerra mais ampla com o Hezbollah no Líbano, com o objetivo de arrastar os Estados Unidos para um conflito mais profundo com o Irã e os seus representantes no Líbano. O secretário de Defesa Lloyd Austin “expressou preocupação” com a escalada com o Hezbollah em uma ligação no sábado com seu homólogo israelense, Yoav Gallant – com a Casa Branca também citando “ansiedade crescente” de que a ação militar de Israel poderia desencadear uma guerra no sul do Líbano .

Israel está buscando pretexto para Guerra mais ampla no Líbano arrastando os EUA

Fonte: Zero Hedge

Os EUA também têm alertado o Hezbollah, bem como o governo libanês, contra a escalada dos ataques ao norte de Israel, que deixaram cerca de dez soldados e civis israelitas mortos desde o mês passado. O Hezbollah também revelou que mais de 60 dos seus combatentes foram mortos.

Este “aviso” também veio sob a forma de um reforço militar dos EUA no Mediterrâneo Oriental, que incluiu significativamente dois grupos de ataque capitaneados por dois porta-aviões nucleares e suas respectivas frotas, e ameaçadoramente, um submarino com propulsão nuclear.

A advertência do SecDef Austin transmitida a Gallant sobre as ações militares israelenses no Líbano foi relatada pela primeira vez no Axios no domingo, que escreveu com base em três fontes israelenses e norte-americanas a par da chamada : 

A mensagem de Austin a Gallant refletiu a crescente ansiedade na Casa Branca de que a acção militar israelita no  Líbano está a exacerbar as tensões ao longo da fronteira, o que poderia levar a uma guerra regional.

Alguns membros da administração Biden estão preocupados que Israel esteja tentando provocar o Hezbollah e a criar um pretexto para uma guerra mais ampla no Líbano que  poderia comprometer  ainda mais os EUA e atrair outros países para o conflito, de acordo com fontes informadas sobre o assunto. As autoridades israelenses negam categoricamente.

Houve mais confrontos hoje entre o #Hezbollah e #Israel ao longo da fronteira com o Hezbollah visando posições militares israelenses e Israel bombardeando os arredores e casas nas aldeias do sul do #Líbano como Aita Chaab, Naqoura, Tayr Harfa. #حزب_الله #لبنان #إسرائيل

Israel já evacuou dezenas dos seus cidadãos perto da fronteira com o Líbano, abrangendo dezenas de cidades e assentamentos, dado que as trocas de tiros têm aumentado diariamente.

Enquanto isso, a fronteira acaba de testemunhar uma grande escalada, com o Times of Israel detalhando que “pelo menos 14 civis ficaram feridos, incluindo um gravemente, em um ataque com mísseis guiados antitanque pelo grupo terrorista Hezbollah do Líbano no domingo, os militares e médicos disseram as autoridades.” E um ataque separado testemunhou sete soldados israelenses feridos por um morteiro.

“O míssil do Hezbollah atingiu vários veículos perto da comunidade de Dovev, no norte, perto da fronteira. Algumas das vítimas eram funcionários da Israel Electric Corporation que chegaram para reparar linhas de energia danificadas por incêndios anteriores do Líbano“, continuou o relatório israelense.


“O indivíduo é [TÃO] deficiente mentalmente [os zumbis], por ficar cara a cara, com uma conspiração tão monstruosa, que nem acredita que ela exista. A mente americana [humana] simplesmente não se deu conta do mal que foi introduzido em seu meio. . . Ela rejeita até mesmo a suposição de que as [algumas] criaturas humanas possam adotar uma filosofia, que deve, em última instância, destruir tudo o que é bom, verdadeiro e decente”.  – Diretor do FBI J. Edgar Hoover


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *