Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Michelle Obama é um HOMEM? Vamos examinar as Evidências com o Coração e a Mente Abertos

Em 2014, o ícone e amada Joan Rivers da TV – ‘brincando’ ou não – certa vez disse aos repórteres que Michelle Obama é uma “tranny”(TRAVESTI), uma palavra de duas sílabas para pessoas ‘TRANSGÊNEROS” que rima com “uncanny”. Hesito em reimprimir aqui porque fui suspenso várias vezes no Facebook por usá-lo para descrever indivíduos com cabelo roxo que estão “confusos” sobre seu (ou são “anjos” rebeldes para perverter seu) sexo biológico.

Michelle Obama é um HOMEM ? Vamos examinar as Evidências com o Coração e a Mente Abertos

Fonte: Armageddon Prose

Através da  CNN :

“Quem precisa de fogos de artifício no 4 de julho quando você tem Joan Rivers por perto?

A comediante conhecida por sua falta de autocensura recentemente oficiou um casamento entre pessoas do mesmo sexo e foi questionada por um fotógrafo se ela acreditava que os Estados Unidos veriam o primeiro presidente gay ou mulher. Sua resposta foi típica de Rivers.

“Já temos isso com Obama, então vamos nos acalmar”, disse ela. ‘Você sabe que Michelle (Obama) é trans.’

Quando solicitado a explicar melhor, Rivers disse: ‘Um transgênero. Todos nós sabemos disso.’”

Curiosamente, a CNN afirmou que Rivers disse “Michelle é uma trans” em vez do que ela realmente disse: “Michelle é UM “tranny” (TRAVESTI)”.

https://youtube.com/watch?v=Al_Wa-haozo%3Ffeature%3Doembed

Curiosamente, naquele mesmo ano,  como um associado de Clinton que caiu em desgraça  com o palácio, Joan Rivers acabou morta, supostamente devido a “complicações” de uma cirurgia.

O momento estranho causou agitação suficiente para que  o PolitiFact se desse ao trabalho de “desmascarar” a suposta correlação entre os dois eventos .

Faça o que quiser com isso. Alex Jones, claro e por sua vez, acredita que a conexão é muito real.

https://youtube.com/watch?v=wk1ChUugwaM%3Ffeature%3Doembed

Os zumbis “liberais” esquerdistas responderam à especulação de Jones da única maneira que sabem: com a acusação tríplice de transfobia, misoginia e racismo. Via  PinkNews :

” Jones  lançou um clipe de 12 minutos que analisa fotos e vídeos dos Obamas. Ele  aponta seus “ombros muito largos” e seu rosto “muito masculino”  como prova significativa de sua teoria.

Ele também explica que  o ex-presidente Obama costumava se referir à esposa como “Michael” diante das câmeras, um deslize [do inconsciente] que aparentemente mostra que ela era anteriormente um homem que desde então mudou de nome e “se (TRA)vestiu” de mulher.

As pessoas apontaram, porém, que  os clipes em que  o ex-presidente Obama disse “Michael”  poderiam se referir a qualquer pessoa, e não há como saber quem estava sendo discutido na época.

O vídeo começa com Jones lendo uma história que dizia respeito a um cartoon “racista” sobre a “masculina” Michelle Obama sendo comparada a “Melania Trump, pronta para o concurso”. Ele diz : “Este é um desenho animado engraçado. Não é racista dizer que ela se parece com um homem .”

As mulheres negras têm sido frequentemente alvo de comentários sobre masculinidade, que são considerados racistas e discriminatórios.”

Esta é uma daquelas situações de “você protesta demais”? Aqui está Obama se referindo a Michelle como “Michael”:

Deslize da língua? Talvez.

O contra-argumento seria que Obama simplesmente falou mal ou interpretou mal suas notas pré-escritas, vendo “Michelle” (SUA ESPOSA) e confundindo-as com “Michael” (UM HOMEM QUALQUER). 

Mas, novamente, ele sabia que estava falando sobre “sua esposa“, não? Nunca chamei minha esposa pelo equivalente masculino de seu nome. Se o fizesse, suponho que perceberia imediatamente meu erro e o corrigiria.

Depois, há  o biógrafo de Obama que afirma ter visto cartas do ex-presidente  na época em que ele expressava fantasias sobre fazer amor com homens – que agora estão trancadas a sete chaves na Emory University.

Certamente seria uma pena se alguém conseguisse obter essas cartas.

O restante das evidências circunstanciais, convincentes ou não, de que Michelle Obama realmente é uma barba transgênero para Barack Obama são principalmente vídeos e imagens de Michelle em várias aparições públicas com o que parece ser uma protuberância considerável, junto com fotos de seu físico impressionante nas costas. , além do fato de que nenhum de seus filhos se parece com os produtos biológicos de Barack inseminando sua esposa totalmente natural, Michelle.

A integridade jornalística, é claro, além da Navalha de Occam, me obriga a reconhecer que nada disso é dispositivo. A única “arma fumegante”, é claro, seria uma foto do suposto pênis de Michelle, e alguma documentação [ela existe] confirmando sua “anterior” condição de homem, etc. Então, por favor, não me processe por difamação ou qualquer outra coisa, Sr. Ex Presidente.

Ben Bartee, autor de  Broken English Teacher: Notes From Exile , é um jornalista americano independente baseado em Bangkok com polegares opositores.

Junte-se ao Armageddon Prose via  Substack  se você estiver inclinado a apoiar o jornalismo independente livre de tendências corporativas. Além disso, siga o Armageddon Prose no  Twitter .

{em breve, do outro lado do Atlântico, um caso semelhante vai explodir na face da imensa maioria de ZUMBIS . . . voilà mes amis….}


Estamos executando o nosso blog com as doações de nossos leitores.  Como a receita de anúncios foi “cancelada” há bastante tempo, agora você não é apenas um leitor, mas uma parte integrante do processo que constrói este site. Obrigado pelo seu apoio, ele é importante.  Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)”


Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *