Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

P.M. francês nomeia seu ‘Marido” como ministro das Relações Exteriores

HOSPÍCIO OCIDENTAL: As Pre$$tituta$ da mídia suavizaram, silenciaram sobre o relacionamento de Stephane Sejourne com o primeiro-ministro francês mais jovem de todos os tempos, Gabriel Attal, que o nomeou como ministro das Relações Exteriores da França. Sejourne, de 38 anos, assessora Macron desde que este era Ministro da Economia e Finanças, tendo-se juntado à sua equipe em 2014 e permanecido com ele até à sua eleição para Presidente em 2017. 

P.M. francês nomeia seu ‘Marido” como ministro das Relações Exteriores

Fonte: Rússia TodayLe Figaro

O primeiro-ministro francês, Gabriel Attal, nomeou seu parceiro, Stephane Sejourne, como ministro das Relações Exteriores da França na quinta-feira, poucos dias depois de ele próprio se tornar o primeiro homem assumidamente homossexual a ocupar o cargo na França, indicado pelo marionete Emmanuel Macron.

Sejourne, que também lidera o partido político Renascença do presidente Emmanuel Macron e o grupo Renew no Parlamento Europeu, substituiu Catherine Colonna em meio a uma remodelação de gabinete francês que se seguiu à renúncia da ex-primeira-ministra Elisabeth Borne na segunda-feira. 

Sejourne, de 38 anos, assessora Macron desde que este era Ministro da Economia e Finanças, tendo-se juntado à sua equipa em 2014 e permanecido com ele até à sua eleição para Presidente em 2017. 

Macron nomeou Attal para substituir Borne na terça-feira, tornando-o o mais jovem primeiro-ministro da França, bem como o primeiro abertamente gay. Ele já havia atuado como ministro da educação. Attal passou 10 meses como porta-voz do partido de Macron, então denominado La Republique en Marche, em 2018, tendo deixado o Partido Socialista dois anos antes para apoiar o então candidato na sua candidatura à presidência.

Attal e Sejourne oficializaram seu relacionamento com uma união civil em 2017 e o tornaram público no ano seguinte, quando Attal se revelou homossexual. Em Outubro, Attal afirmou numa declaração oficial sobre conflitos de interesses à Alta Autoridade para a Transparência na Vida Pública que não tinha parceiro, embora o casal nunca se tivesse separado publicamente.

A maior parte da cobertura midiática das pre$$tituta$ sobre a nomeação evitou cuidadosamente mencionar a união civil de Sejourne com Attal.

Tendo perdido a maioria no parlamento no ano passado, o partido centrista de Macron foi forçado a aliar-se ao Les Republicains para aprovar as mudanças, uma medida que mudou ainda mais a opinião pública contra um governo já impopular depois da reforma das pensões do ano passado ter aumentado a idade de aposentadoria, de uma forma considerada antidemocrática pela maioria dos eleitores franceses, desencadeando semanas de protestos. 

A remodelação ministerial de quinta-feira foi amplamente divulgada como um esforço do presidente para salvar “a credibilidade” cada vez menor do seu governo [medíocre]. Embora esteja constitucionalmente proibido de concorrer a um terceiro mandato em 2027, as eleições para o Parlamento Europeu estão marcadas para este ano e espera-se que a Renascença perca vários assentos, a menos que a opinião pública mude favoravelmente em sua direção.


SEJA UM ASSINANTE DO BLOG: Para os leitores do Blog que ainda não são assinantes e desejam acessar as postagens em seus endereços de E-Mail, solicitamos, por favor, que façam a sua inscrição aqui neste LINK: https://linktr.ee/thoth3126

Convidamos também a conhecerem e seguirem nossas redes sociais:
Instagram: https://www.instagram.com/th.oth3126/
Facebook: https://www.facebook.com/thoth3126.blog
X (antigo Twitter): https://twitter.com/thoth3126_blog
Youtube: https://www.youtube.com/@thoth3126_blog

Siga o canal “Blog Thoth3126” no WhatsApp: https://www.whatsapp.com/channel/0029VaF1s8E9Gv7YevnqRB3X


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *