Entre ou
Cadastre-se

Compartilhe
Receba nosso conteúdo

Putin: Ordem Unipolar Terminou, Ocidente se dirige para “Mudanças” à medida que a Rússia emerge mais forte

O presidente russo, Vladimir Putin, enfatizou em outras observações feitas antes do Fórum Econômico Internacional de São Petersburgo que as sanções anti-russas dos países do ocidente prejudicarão o povo da UE e do Ocidente amplamente, em meio ao aumento dos preços do gás e dos alimentos, temores de inflação e grave escassez na cadeia de suprimentos. 

Putin: Ordem unipolar terminou, Ocidente se dirige para “Mudanças” à medida que a Rússia emerge mais forte

Fonte: Zero Hedge

Ele declarou o fim do mundo unipolar como o conhecemos, dizendo: “Nas últimas décadas, novos centros poderosos foram sendo formados no planeta […] cada um deles desenvolve seu próprio sistema político e instituições públicas, implementa seus próprios modelos de crescimento econômico e, claro, tem o direito de se proteger, de garantir a sua soberania nacional. Estamos falando de processos reais, de verdadeiramente revolucionários, de mudanças tectônicas na geopolítica, na economia global, na esfera tecnológica, em todo o sistema de relações internacionais“.

O presidente russo criticou a União Europeia pela decisão de impor sanções anti-Rússia, chamando-a de “loucura” e “não bem pensada”. Putin disse que seu objetivo [EUA-OTAN] era esmagar a economia russa de uma só vez, mas que eles não conseguiram alcançá-lo.

Em vez disso, os políticos da UE deram um duro golpe em suas próprias economias, provocando uma alta inflação, enfatizou o presidente. Ele estimou os custos da “febre das sanções” em cerca de US$ 400 bilhões somente neste ano e observou que as medidas se tornarão um fardo para os ombros das pessoas comuns.

“Está claro por que eles travaram essa campanha de propaganda, o que tudo isso significa sobre taxas de câmbio de 200 para 1 rublo-dólar e alegações de que nossa economia entraria em colapso. Tudo isso foi – e continua sendo – uma ferramenta na guerra de informação , uma tentativa de pressionar psicologicamente a sociedade russa”, continuou ele, enfatizando ainda que “algumas moedas globais estão cometendo suicídio”.

Sobre a UE, ele disse:

“A União Europeia perdeu completamente sua soberania política, e suas elites burocráticas estão dançando ao som de outra pessoa, aceitando o que lhes é dito de cima, causando danos à sua própria população e à sua própria economia”.

Ele disse que haverá uma “mudança de elites” no Ocidente como parte da mudança “revolucionária” iniciada pela guerra na Ucrânia e pelo exagero EUA-Europa:

“Tal distanciamento da realidade, das demandas da [sua própria] sociedade, levará inevitavelmente a uma onda de populismo e ao crescimento de movimentos radicais, a sérias mudanças sociais e econômicas, à degradação e, em um futuro próximo, a uma mudança de elites“, disse Putin.

O discurso declarou essencialmente que, apesar do Ocidente tentar martelar a economia russa e colocar a Rússia de joelhos, os esforços falharam espetacularmente e estão repercutindo negativamente no próprio Ocidente, num enorme efeito bumerangue, de acordo com as palavras de Putin.

A Ucrânia recebeu um grande impulso para sua candidatura à UE na sexta-feira, com o executivo do bloco de 27 membros dando total apoio ao seu status de candidato. A presidente da Comissão Européia, Ursula von der Leyen, anunciou pela primeira vez que a comissão recomenda “que seja dado à Ucrânia o status de candidata. Isso, é claro, no entendimento de que o país realizará uma série de novas reformas”.

Ela disse ainda enquanto falava de Bruxelas: “Na opinião da Comissão, a Ucrânia demonstrou claramente a aspiração do país e a determinação do país em viver de acordo com os “valores e padrões europeus[ou seja, transgenerismo, Wokism, LGBTQ+, globalismo, satanismo, pedofilia, etc].  Von der Leyen acrescentou ainda: “Todos sabemos que os ucranianos estão prontos para morrer pela perspectiva europeia. Queremos que vivam conosco o “sonho europeu” [de serem manipulados e controlados pelos Illuminati, WEF, Grupo Bilderberg, Clube de Roma, Rothschilds, nobreza negra, et caterva …]

https://twitter.com/AZmilitary1/status/1537798707378278400?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1537798707378278400%7Ctwgr%5E%7Ctwcon%5Es1_&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.zerohedge.com%2Fmarkets%2Feu-backs-ukraines-european-dream-putin-says-sanctions-cost-bloc-400bn-warns-fertilizer

“Sim, a Ucrânia deve ser bem-vinda como país candidato – isso se baseia no entendimento de que um bom trabalho foi feito, mas um trabalho importante ainda precisa ser feito”, disse von der Leyen.

No dia anterior, na quinta-feira, o presidente francês Emmanuel Macron, o chanceler alemão Olaf Scholz e o primeiro-ministro italiano Mario Draghi viajaram para Kiev de trem, onde entregaram um “forte sinal de apoio” unificado à Ucrânia em meio à invasão russa. Eles apoiaram publicamente o caminho da Ucrânia para a UE, pedindo “status imediato de candidato à UE”.

Atualmente, a França detém a presidência rotativa da UE. Seu líder Macron disse em Kiev sobre o status de candidatura à UE: “Este status será acompanhado por um roteiro e também envolverá levar em consideração a situação nos Bálcãs e na área vizinha, principalmente na Moldávia.

Ao apresentar Moldávia, não houve qualquer menção à Geórgia, que não está sendo considerada, irritando os líderes georgianos que atacaram Bruxelas. Quanto à Ucrânia, mesmo com o apoio entusiástico dos principais países da UE, o processo de adesão potencial ainda deve levar anos, possivelmente até décadas, como alguns funcionários alertaram.

Mais tarde na sexta-feira, o presidente da Ucrânia, o khazar Volodymyr Zelensky, saudou a decisão de candidatura à UE como um “primeiro passo no caminho da adesão à UE que certamente aproximará nossa vitória”. Ele agradeceu a von der Leyen pela “decisão histórica” ??da comissão – mas que aguardará aprovação formal na cúpula da UE de 23 a 24 de junho. Zelensky disse que seu país espera ansiosamente um “resultado positivo”.

Em segundo plano, Moscou está decidindo esta semana aumentar a pressão sobre a Europa, reduzindo drasticamente os fluxos de gás natural para seus maiores clientes na Europa Ocidental, elevando os preços da energia no continente.

O presidente russo, Vladimir Putin, em declarações emitidas no mesmo dia do anúncio de aprovação preliminar da candidatura de von der Leyen à UE, enfatizou o crescente ‘custo’ para a Europa por sua posição intransigente pró-Ucrânia e sanções anti-Rússia. Ele estimou que a União Europeia incorrerá em “perdas de pelo menos US$ 400 bilhões” devido às múltiplas ondas de sanções impostas a Moscou até agora.

Ele mais uma vez rejeitou a responsabilidade pela crise econômica global, afirmando que a inflação, os custos de energia e a crise alimentar estão todos ligados às políticas do Ocidente. Ele previu ainda um desenvolvimento potencialmente desastroso para o abastecimento global de alimentos, já sob ameaça, de acordo com agências de notícias : 

Putin previu que a escassez de fertilizantes poderia elevar ainda mais os preços dos alimentos, acrescentando que a Rússia poderia aumentar suas exportações de fertilizantes e grãos . Ele também afirmou que “previsões sombrias” sobre o estado da economia russa não se tornaram realidade e que seu governo conseguiu impedir o aumento da inflação doméstica. “Depois de um pico de 17,8%, a inflação está agora nos 16,7% e continua a descer”, disse, salientando que as finanças públicas estão estáveis ??e as autoridades estão tomando medidas para arrefecer ainda mais a economia.

No entanto, nas declarações Putin enfatizou sobre a crise de produção de fertilizantes e alimentos desencadeada na sequência da guerra que “a Rússia não pode ser culpada por isso”, enquanto afirma que ainda não é o problema de hoje, sugerindo que uma ação apropriada e uma resposta do Ocidente podem aliviar a crise que se aproxima.

Independentemente disso, os líderes dos EUA estão montando um ataque, culpando Putin por uma “grave escassez global de fertilizantes” – como o deputado Khanna argumentou na quinta-feira, enquanto o Congresso toma medidas para tentar proteger os agricultores dos EUA e, portanto, os consumidores americanos do impacto vindouro na elevação generalizada dos preços.


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é thoth-3126-1.png

“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *