browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Colapso das criptomoedas: Bitcoin cai abaixo de US$ 22.000

Posted by on 14/06/2022

Londres (CNN Business): A Bitcoin e outras criptomoedas continuaram sua queda nessa segunda-feira, e duas das maiores  plataformas de criptomoedas do mundo restringiram a atividade à medida que o colapso do mercado continuava em ritmo acelerado. A Celsius Network, que tem 1,7 milhão de clientes, disse que “condições extremas de mercado” a forçaram a interromper temporariamente todos os saques, trocas de criptomoedas e transferências entre contas.

Bitcoin cai abaixo de US$ 22.000 e o colapso das criptomoedas reivindica mais vítimas

Fonte: CNN Business

“Estamos tomando essa ação necessária para o benefício de toda a nossa comunidade, a fim de estabilizar a liquidez e as operações enquanto tomamos medidas para preservar e proteger os ativos”, disse a empresa em um post no blog.

A empresa registrada no Reino Unido tem cerca de US$ 3,7 bilhões em ativos, de acordo com seu site. Ele paga juros sobre depósitos de criptomoedas,   e os empresta para fazer um retorno.

A Binance, a maior exchange de criptomoedas do mundo, suspendeu saques em sua rede bitcoin por algumas horas na segunda-feira. A empresa disse que tomou a decisão porque algumas transações ficaram “travadas” e estavam causando atrasos.

“Ainda estamos trabalhando para processar as retiradas pendentes da rede Bitcoin (BTC), e estima-se que isso seja concluído nas próximas horas”, disse a empresa em comunicado.

O mercado de criptomoedas sofreu um duro golpe nos últimos meses depois que seu boom pandêmico se transformou em colapso. À medida que os principais bancos centrais do mundo aumentaram as taxas de juros para domar a inflação em espiral, os traders correram para abandonar investimentos mais arriscados, incluindo seus ativos cripto voláteis.

O Bitcoin, a criptomoeda mais valiosa do mundo, perdeu 15% nas últimas 24 horas – colocando-a cerca de 66% abaixo de seu recorde histórico em novembro do ano passado, quando foi negociado em torno de US$ 69.000, segundo dados da Coinbase. 

O Bitcoin caiu abaixo de US$ 24.000 na segunda-feira, enviando a criptomoeda para seu nível mais baixo desde dezembro de 2020. O Ethereum, a segunda moeda digital mais valiosa, caiu 17% e agora perdeu cerca de 75% de seu valor desde novembro.

As chamadas “stablecoins” – criptomoedas vinculadas ao valor de ativos mais tradicionais – também foram atingidas. O Tether, uma stablecoin popular, quebrou sua atrelagem ao dólar americano em maio, perfurando a visão de que poderia servir como proteção contra a volatilidade.

A Terra USD, uma stablecoin algorítmica mais arriscada que usava um código complexo para atrelar seu valor ao dólar americano, entrou em colapso no mesmo mês, acabando com as economias de milhares de investidores. A moeda foi avaliada em pouco mais de US$ 18 bilhões no início de maio antes de cair, de acordo com dados da CoinMarketCap.

A Celsius Network não disse quando permitiria que os clientes sacassem seus depósitos novamente, apenas que “levaria tempo”. Enquanto isso, os governos estão observando de perto as consequências do crash das criptomoedas e podem se mover para proteger os investidores.

“Existem muitos riscos associados às criptomoedas”, disse a secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, ao Senado no mês passado. Ela disse que seu departamento deve divulgar um relatório sobre o assunto.— Julia Horowitz contribuiu com reportagem.


O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é thoth-3126-1.png

“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

2 Responses to Colapso das criptomoedas: Bitcoin cai abaixo de US$ 22.000

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.