browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Crânios de Nefilins-Anunnakis encontrados no Peru e México?

Posted by on 21/09/2019

[Imagem: giants_cranio2.jpg]Foram descobertos treze crânios de seres alienígenas, extraterrestres, desenterrados e encontrados no México

 Quando os arqueólogos escavaram o antigo local de enterro em “El Cementerio”, perto da aldeia mexicana de Onavas, eles fizeram uma descoberta chocante e supreendente. Eles acharam e desenterraram 25 crânios, dos quais 13 eram extremamente alongados e pontudos na parte de trás e não pareciam ser inteiramente humanos, de seres da Terra.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

 Crânios de Nefilins-Anunnakis encontrados no México – Foram descobertos treze crânios de seres alienígenas, extraterrestres, desenterrados e encontrados no México

Fonte: http://www.ancient-origins.net/

POR APRIL HOLLOWAY 

 O local do enterro foi descoberto por moradores da pequena vila de Onavas em 1999, quando o trabalho estava sendo realizado para construir um sistema de irrigação. É o primeiro cemitério pré-hispânico encontrado no estado mexicano do norte de Sonora, e remonta há cerca de 1.000 anos.

Dos 25 indivíduos desenterrados, 17 deles eram crianças entre 5 meses e 16 anos de idade e apenas 1 era do sexo feminino. As crianças não tinham sinais de doença ou algum trauma, indicando a causa da morte.  Especialistas têm teorizado que a deformidade dos crânios foram intencionalmente produzidas através do ritual de achatamento da cabeça, também chamado de deformação craniana, em que o crânio é comprimido entre duas placas de madeira desde a infância.

Embora a prática fosse algo comum entre as populações pré-hispânicas da Mesoamérica e oeste do México, é a primeira vez que crânios alongados foram encontrados no norte do México. Os primeiros exemplos de deformação craniana remontam ao período Neolítico, cerca de 10.000 anos atrás, e a prática tem existido entre muitas culturas ao redor do mundo.

Crânios alongados no Museu Ica, em Paracas, no Peru.

A razão para a prática, contudo, é menos clara ainda. Algumas tribos têm relatado que eles acreditam que as pessoas com cabeças alongadas têm maior inteligência. Outras razões incluem o reforço da beleza, aumentar a posição social, ou torná-los parecendo mais ferozes na guerra. Brien Foerster, autor e especialista em crânios alongados, apresentou algumas das pesquisas mais espetaculares sobre o assunto.

Ele descobriu que enquanto a maioria dos crânios mostram claros sinais de deformação craniana deliberada, há uma percentagem de crânios – aqueles encontrados em Paracus, no Peruque são anatomicamente diferentes e que não podem ser explicadas por práticas de achatamento da cabeça. Estes crânios, disse ele, tem um volume craniano que é 25% maior do que os crânios humanos convencionais (a simples deformação craniana não aumenta o volume), e que pesam 60% a mais.

Em Paracas, no Peru os pesquisadores têm encontrado alguns grandes crânios alongados que são extremamente antigos. Em sua página do Facebook , Brien Foerster postou uma foto de um desses crânios antigos que ainda tem cabelo vermelho nele.

Brien Foerster apresentou outras diferenças: “esse crânios apresentavam dois pequenos furos na parte posterior do crânio, perpendicular à linha de sutura craniana presente na placa parietal do crânio. Cada crânio humano normal é composto por 3 grandes placas ósseas; placa frontal, que termina na parte superior da testa, e as duas placas parietais que estão por trás desta, cruzando a placa frontal fazendo um “T”.

Os buracos descobertos Lloyd atribui ser de origem natural, cada mandíbula humana tem um pequeno furo em cada lado, que é para os nervos e os vasos sanguíneos para sair e alimentar o tecido local, esses dois furos na parte de trás do crânio pode executar a mesma função para o crânio alongado. O outro fator é que há apenas uma placa parietal, onde deveria haver duas “. Estes resultados são bastante dramáticos, mas estranhamente nada foi declarado ou publicado em publicações tradicionais e relatórios de mídia sobre essa descoberta.

Por April Holloway 


A MATRIX, O SISTEMA de CONTROLE MENTAL“A Matrix é um sistema de controle, NEO. Esse sistema é o nosso inimigo. Mas quando você está dentro dele, olha em volta, e o que você vê? Empresários, professores, advogados, políticos, carpinteiros, sacerdotes, homens e mulheres… As mesmas mentes das pessoas que estamos tentando despertar. Mas até que nós consigamos despertá-los, essas pessoas ainda serão parte desse sistema de controle e isso as transformam em nossos inimigos. Você precisa entender, a maioria dessas pessoas não está preparada para ser desconectada da Matrix de Controle Mental. E muitos deles estão tão habituados, tão profunda e desesperadamente dependentes do sistema, que eles vão lutar contra você para proteger o próprio sistema de controle que aprisiona suas mentes …”


Muito mais informações, leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida a formatação original e mencione as fontes.

thoth(172x226)www.thoth3126.com.br

3 Responses to Crânios de Nefilins-Anunnakis encontrados no Peru e México?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.