‘Ministério da Verdade’ do circo de Biden foi suspenso pelo DHS após imensas críticas

O Departamento de Segurança Interna (DHS) ‘pausou’ seu recém-criado “Conselho de Governança de Desinformação” [um Ministério da Verdade estilo 1984 de Orwell] muito criticado desde o anúncio de sua criação, depois que sua chefe, a khazar Nina Jankowicz, foi acusada de ser uma verdadeira defensora do Russiagate [uma peça de desinformação], e completando “libs de TikTok” com músicas assustadoras com temas da Disney com um falso sotaque britânico – emprestando o apelido de “Scary Poppins”.

‘Ministério da Verdade’ do circo de Biden foi suspenso pelo DHS após enxurrada de críticas

Fonte: Zero Hedge

De acordo com o jornal Washington Post, Jankowicz, de 33 anos, “foi colocada no centro das atenções pelas mesmas forças que ela dedicou sua carreira a combater” e foi “sujeita a uma enxurrada implacável de assédio e abuso” por causa de sua defesa do que seria desinformação.

Sim, porque o chefe de um novo departamento orwelliano para decidir o que é VERDADE não deveria ser questionado.

Agora, apenas três semanas após seu anúncio, o Conselho de Governança da Desinformação está sendo “pausado”, de acordo com vários funcionários do DHS, encerrando uma semana de idas e vindas de decisões que mudaram durante o relato desta história. Na segunda-feira, o DHS decidiu encerrar o conselho, de acordo com várias pessoas com conhecimento da situação. Na manhã de terça-feira, Nina Jankowicz redigiu uma carta de demissão em resposta à dissolução do conselho. -WaPo

Na noite de terça-feira, os funcionários do DHS fizeram uma ligação urgente com Jankowicz, onde deram a ela a opção de permanecer no cargo, mesmo que o seu ‘trabalho’ fosse suspenso.

De acordo com o relatório, “grupos de trabalho dentro do DHS com foco em ‘mis-, dis- e mal-information foram suspensos’.

WaPo aponta para os primeiros tweets do jornalista Jack Posobiec por lançar o que se tornou uma avalanche de ataques ao “Ministério da Verdade” travestido de Conselho de Governança da Desinformação.

Jankowicz atuou anteriormente como ‘pesquisadora de desinformação’ no Wilson Center e aconselhou o Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia como parte da Fulbright-Clinton Public Policy Fellowship. Ela também supervisionou os programas da Rússia e da Bielorrússia no Instituto Nacional Democrático.

Ela também canta canções eróticas de Harry Potter .

E ela é fã de interferência eleitoral:

NOVO: Nina Jankowicz, que chefiará o novo ‘Disinfo Governance Board’ do DHS, é fã dos pensamentos do desacreditado autor do dossiê Chris Steele sobre desinformação e ajudou a descartar o laptop Hunter Biden em 2020, dizendo “devemos vê-lo como um produto da campanha de Trump”.

De acordo com um porta-voz do DHS, “o propósito do Conselho foi grosseiramente descaracterizado; ele não policiará o discurso”, acrescentando “Muito pelo contrário, seu foco é garantir que a liberdade de expressão seja protegida”.

Vamos adivinhar, então que Guerra é Paz, Liberdade é Escravidão e Ignorância é Força . . .


“Precisamos URGENTEMENTE do seu apoio para continuar nosso trabalho baseado em pesquisa independente e investigativa sobre as ameaças do Estado [Deep State] Profundo, et caterva, que a humanidade enfrenta. Sua contribuição, por menor que seja, nos ajuda a nos mantermos à tona. Considere apoiar o nosso trabalho. Disponibilizamos o mecanismo Pay Pal, nossa conta na Caixa Econômica Federal   AGENCIA: 1803 – CONTA: 000780744759-2, Operação 1288, pelo PIX-CPF 211.365.990-53 (Caixa)” para remessas do exterior via IBAN código: BR23 0036 0305 0180 3780 7447 592P 1


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nosso conteúdo

Junte-se a 4.310 outros assinantes

compartilhe

Últimas Publicações

Indicações Thoth