browser icon
Você está usando uma versão insegura do seu navegador web. Por favor atualize seu navegado!
Usando um navegador desatualizado torna seu computador inseguro. Para mais segurança, velocidade, uma experiência mais agradável, atualize o seu navegador hoje ou tente um novo navegador.

Objeto de 2 km de comprimento sendo exposto pelo derretimento do gelo na Antártida

Posted by on 19/09/2019

O Google Earth forneceu dados históricos de satélite mostrando um artefato com cerca de dois quilômetros de comprimento sendo lentamente revelado pelo derretimento do gelo já no final de 2016 na região da Nova Suábia / Queen Maud Land, uma área reivindicada pela Alemanha nazista antes da Segunda Guerra Mundial. Os alemães supostamente criaram uma base secreta subterrânea (Base Nazista Neuschwabenlandsob o gelo durante a II guerra mundial nesta região.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

Artefato de cerca de 2 km de comprimento sendo exposto pelo derretimento do gelo na Antártida é mostrado pelo Google Earth na mesma região onde os alemães supostamente criaram uma base secreta subterrânea Neuschwabenland

Fonte: https://www.exopolitics.org/

O Google Earth mostra que uma missão exploratória foi enviada para a vizinhança imediata do artefato em 2013, mas todos os sinais foram eliminados em 2016. O artefato que está sendo exposto pelo derretimento do gelo da Antártida pode ser remanescente de uma cidade antiga, uma nave-mãe alienígena enterrada ou parte de uma base alemã abandonada.

Vídeos do artefato foram criados por vários canais do YouTube que analisam vários aspectos do objeto e por que ele parece ser artificial com várias entradas abaixo dele. 

Por exemplo, em um vídeo publicado em 31 de agosto, Blake e Brent Cousins, do canal Third Phase of Moon (Terceira Fase da Lua), perguntam se os restos pertencem a uma “Massive ALIEN City”. Particularmente útil na compreensão do que está sendo revelado foi um vídeo criado por Florida Maquis em 28 de agosto, que foi o primeiro a mostrar imagens históricas de satélite da área imediata do objeto. 



O vídeo mostra como o artefato tem sido lentamente exposto ao longo dos anos pelo derretimento do gelo, novamente com múltiplas entradas levando a porções subterrâneas, e sinais claros de uma missão exploratória em 2013 com uma pista, estrada de acesso e acampamento base perto da anomalia.

As seguintes imagens do Google Earth Pro mostram como o objeto aparece em uma imagem do Google Earth tirada em 16 de novembro de 2016 junto com as coordenadas (75 ° 0’46.98 ″ S 0 ° 4’52.71 ″ E) para verificação independente. Uma série de 22 objetos se projetando da superfície parece ser parte de algo maior que tem aproximadamente dois quilômetros de comprimento, de acordo com a ferramenta de régua fornecida pelo Google Earth.

Uma tomada de zoom da série de objetos (18 pequenos e 4 grandes) que se projetam sobre o gelo parece mostrar entradas adentrando sob o gelo no artefato maior abaixo que está sendo exposto lentamente pelo gelo derretido.

A próxima imagem do Google Earth Pro do mesmo local (o Google Earth Pro fornece dados históricos de coordenadas – veja a parte superior esquerda da imagem) de dezembro de 2013 mostra o que parece ser uma pista com estrada de acesso e um acampamento nas proximidades imediatas do artefato que foi posteriormente exposto nas imagens do Google Earth de 2016 do local.

A imagem a seguir, que compara as imagens acima de 2013 e 2016, mostra o que estava sendo investigado em 2013 que se projetava acima do gelo e como, até 2016, todas as evidências da investigação desapareceram de acordo com as imagens do Google Earth Pro. Recomendo assistir ao vídeo da Florida Maquis para comentar os dados de 2013 e comparar os dados de 2016.

Uma foto de satélite anterior foi tirada em dezembro de 2012 para as mesmas coordenadas no Google Earth, e mostra algo começando a se projetar do chão. Presumivelmente, foi isso que desencadeou a missão de exploração revelada nas fotos de 2013.



A seguinte imagem tirada de 2009 para as mesmas coordenadas do artefato, mostra o objeto, mas é muito menos proeminente. Aqui está uma comparação da sequência de fotos de satélite de 2009, mostrando como o artefato tem sido cada vez mais exposto pelo derretimento do gelo.

O que a sequência acima das imagens do Google Earth Pro mostra é que um artefato que estava enterrado sob o gelo por um período de tempo indeterminado está sendo gradualmente exposto pelo derretimento da cobertura do gelo da Antártida. Uma missão exploratória desconhecida foi enviada em 2013, mas em 2016 todas as evidências da missão desapareceram.

As imagens de 2016 mostram algo com aproximadamente dois quilômetros de extensão sendo lentamente expostas pelo gelo derretido. Pode ser uma cidade antiga, especulada pelos irmãos CousinsAlternativamente, poderia ser uma espaçonave enterrada de dois quilômetros. De acordo com os membros do programa espacial secreto Corey Goode e Pete Peterson, há três naves-mãe muito grandes enterradas sob os lençóis de gelo da Antártida que foram secretamente escavadas por equipes secretas de pesquisadores.

Outra explicação é que o artefato é o que resta de uma base alemã / nazista abandonada na Antártida. Isto é muito plausível devido à sua localização na região da Nova Suábia / Queen Maud Land que foi reivindicada pela Alemanha nazista em 1938/1939.

No livro Antarctica’s Hidden History: Corporate Foundations of Secret Space Programs, mostrei como os lençóis de gelo da Antártida estão derretendo devido ao aumento da atividade de vulcões subterrâneos em atividade crescente e, na próxima década, exporão muitos dos segredos enterrados no continente antártico.

O artefato de dois quilômetros de extensão que vem sendo cada vez mais revelado pelas imagens do Google Earth é uma confirmação de que os lençóis de gelo da Antártica estão derretendo e que o que foi enterrado por décadas, se não milênios, está sendo revelado lentamente para todo mundo ver.

© Michael E. Salla, Ph.D.


Nota de Thoth: Próximo a região supostamente esquecida da Base Neuschwabenland da Alemanha Nazista, atualmente existe desde 1981 uma estação de pesquisa alemã (a Estação de Pesquisa da Antártica Neumayer, onde fenômenos MUITO estranhos e luminosos costumam acontecer à noite…)

Neumayer Station, atual Base de Pesquisas da Alemanha na Antártica.

Olhem o filme a seguir abaixo e percebam os ATUAIS fenômenos luminosos estranhos  naquela região, sobre a atual base alemã Neumayer na Antártida. O que permanece hoje são inúmeras perguntas não respondidas e o mito do mistério.


“Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão. E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo”.  –  Mateus 24:10-13


“Conhece-te a ti mesmo e conheceras todo o universo e os deuses, porque se o que tu procuras não encontrares primeiro dentro de ti mesmo, tu não encontrarás em lugar nenhum” – Frase escrita no pórtico do Templo do Oráculo de Delphos, na antiga Grécia.

“A exposição à verdade muda a tua vida, ponto final – seja essa verdade uma revelação sobre a honestidade e integridade pessoal ou se for uma revelação divina que reestrutura o teu lugar no Universo. Por esse motivo é que a maioria (a massa ignorante do Pão e Circo) das pessoas foge da verdade, em vez de se aproximar dela”.  {Caroline Myss}


Mais informações sobre ANTÁRTIDA, leitura adicional:

Permitida a reprodução desde que mantida na formatação original e mencione as fontes.

phi-golden-ratiowww.thoth3126.com.br

One Response to Objeto de 2 km de comprimento sendo exposto pelo derretimento do gelo na Antártida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.